Small-house Faça do R7.com sua página inicial

SIM NÃO

Internacional

28/12/2012 às 12h58 (Atualizado em 28/12/2012 às 12h58)

Oposição denuncia regime sírio por bombardeio de diversas cidades do país

Governo de Assad vem perdendo vários militares nos últimos dias

EFE

Após a tradicional reza de sexta-feira, manifestantes protestam hoje em Kafranbel contra o governo Assad Divulgação/Raed Al-Fares/Shaam News Network/Reuters

Forças dos regime sírio bombardearam nesta sexta-feira (28) várias cidades do país, especialmente Damasco e sua periferia, no meio de intensos confrontos com rebeldes, informaram grupos opositores.

Segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos, as localidades de Harasta, Duma e Hazarma, nos arredores de Damasco, foram atacadas, além disso, houve avanço "com violência" contra rebeldes nas zonas de Erbin e Daraya.

As forças do regime sírio bombardearam também o aeroporto militar de Meng, na periferia da Província de Aleppo, no norte do país, onde também houve choques violentos com os rebeldes que cercaram esta zona há vários dias, acrescentou o Observatório.

Mais dois generais abandonam governo sírio

Por sua parte, os denominados Comitês de Coordenação Local, informaram que na cidade de Al Raqa, o Exército Livre Sírio (ELS) tomou o controle de um posto de vigilância do regime de Bashar al Assad, na zona de Al Meshayrefa, capturando vários soldados.

Além disso, a rede Sham e a Comissão Geral da Revolução Síria destacaram que o Exército sírio atacou com mísseis Hawn a cidade de Tasil, na Província de Deraa, no sul do país, no meio de enfrentamentos com os rebeldes para impedir que os opositores tomem a região.

Ontem, o enviado especial da ONU e a Liga Árabe, Lakhdar Brahimi, afirmou que o acordo de Genebra, que deliberou por um cessar-fogo e formação de um governo de transição, pode servir para acabar com conflito que já dura quase dois anos.

O enviado especial se referia ao acordo conseguido por consenso em Genebra em junho passado pelo Grupo de Ação para a Síria, no qual participaram China, Rússia, Estados Unidos, França, Reino Unido, Turquia, Liga Árabe, ONU e União Europeia.

Quer ficar bem informado? Leia mais

O que acontece no mundo passa por aqui

 

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade
Compartilhe
Verde-amarelo contagiante

Bandeiras e camisetas do Brasil se espalham pelo mundo

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Fé proibida

Conheça os países com maiores índices de perseguição religiosa

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Imagens do ano

Entre sorrisos e lágrimas: veja as imagens mais emocionantes de 2013

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Perturbador

Crimes brutais chocaram o mundo em 2013. Veja os casos mais macabros

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
  • Últimas de Internacional

  • Últimas de Notícias

X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!