Internacional

5/2/2013 às 11h35

Presidente do Equador suspende atos de campanha após ataque a simpatizantes

EFE

Quito, 5 fev (EFE).- O Movimento Aliança País, liderado pelo presidente do Equador, Rafael Correa, suspendeu a partir de hoje seus atos de campanha após o ataque contra simpatizantes ocorrido ontem, no qual um homem matou duas pessoas e feriu outras quatro usando uma arma branca. Em seu site e em sua conta no Twitter, o movimento anunciou que os atos de campanha "ficam em espera devido (a) trágicos fatos (em) Quinindé". O ataque ocorreu ontem nessa cidade da província de Esmeraldas, na fronteira com a Colômbia, quando um grupo de simpatizantes de Correa o esperava para seu último ato eleitoral do dia. O ministro do Interior, José Serrano, informou sobre a detenção de um suspeito, mas esclareceu que ainda não é possível garantir que ele seja o assassino. O Ministério também disse que encontrou a arma supostamente usada no ataque. "Um abraço solidário às famílias das vítimas em Quinindé. O vídeo do incidente é realmente apavorante!", escreveu Correa no Twitter. O governante se referia a um vídeo postado no YouTube pouco depois do incidente, intitulado "agresión quininde", de autoria desconhecida. Em 20 segundos de imagens, um homem com uma faca é visto atacando de forma indiscriminada as pessoas que esperavam o presidente perto de um palanque, algumas das quais agitavam as bandeiras verdes do movimento político de Correa. Vários dos homens presentes reagiram dando golpes no criminoso com os mastros das bandeiras que portavam, até que o homem saiu correndo do local. Correa foi informado sobre o incidente por volta das 21h locais (23h de Brasília) de ontem, quando seguia para o ato eleitoral em Quinindé, e voltou a Esmeraldas, a capital da província. O presidente qualificou o autor do ataque como um "desordenado" em mensagem postada no Twitter pouco depois do episódio. Correa tenta sua reeleição no pleito de 17 de fevereiro enfrentando outros sete candidatos. Segundo uma pesquisa da empresa Market divulgada em 18 de janeiro, o atual presidente lidera as intenções de voto, com 49%, seguido pelo ex-banqueiro Guillermo Lasso, com 18%, e o ex-presidente Lúcio Gutiérrez, com 12%. EFE cma/id
  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade
Compartilhe
Homem das cavernas

Iraniano não toma banho há 60 anos e usa pedaço de cano como cachimbo

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Imagens do ano

Entre sorrisos e lágrimas: veja as imagens mais emocionantes de 2013

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Desumano

Menino de 11 anos vive acorrentado como cachorro pela família na China

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Perturbador

Crimes brutais chocaram o mundo em 2013. Veja os casos mais macabros

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
  • Últimas de Internacional

  • Últimas de Notícias

X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!