Internacional

26/12/2012 às 19h04 (Atualizado em 26/12/2012 às 19h04)

Tempestade de neve deixa sete mortos nos EUA

Uma grande tempestade de inverno responsável por tornados, gelo e neve do Golfo do México à região dos grandes lagos e que matou pelo menos sete pessoas no Natal, estava se movendo lentamente em direção ao Leste dos Estados Unidos nesta quarta-feira.

O serviço nacional de meteorologia avisou das "condições perigosas de viagem por causa da neve e gelo que cobrem as estradas" e disse que o peso da neve e do gelo pode derrubar árvores e postes de luz.

O organismo prevê 46 centímetros de neve em uma faixa que vai de Nova York até o Maine, 30 cm na região das Montanhas Rochosas e tornados na Carolina do Norte e Carolina do Sul.

As autoridades aeronáuticas determinaram o cancelamento de 1.500 voos enquanto os serviços de emergência recomendam a população a permanecer em casa, evitando áreas abertas e estradas.

"Acreditamos que o número de cancelamentos e atrasos irá aumentar hoje e amanhã com a chegada da tempestade à área de Nova York nesta tarde", anunciou o chefe da FlightAware, Daniel Baker.

"O fator mais importante é a força do vento e o fato dele não estar alinhado com as pistas".

A região de Dallas-Fort Worth cancelou todos os voos até 11h00 do horário local nesta quarta-feira depois de ter cancelado cerca de 400 voos na terça-feira por causa das condições climáticas extremas.

Um homem de 25 anos morreu no subúrbio de Houston (Texas) atingido por uma árvore que caiu sobre seu veículo, segundo a imprensa local.

Diversas casas e lojas ficaram danificadas com a passagem de 34 tornados na região do Texas, Louisiana, Alabama e Mississippi.

Uma dúzia de pessoas ficou ferida num acidente entre 21 carros causado pelas estradas congeladas em Oklahoma City.

Amanda Sue Goodman, de 28 anos, morreu em outro acidente de carro no região rural de Oklahoma após o motorista perder o controle do veículo na autoestrada coberta de neve. O motorista e uma uma menina de 4 anos que estava no carro ficaram feridos.

Allen Sullivan, de 53 anos, faleceu quando uma árvore desabou em sua casa na Louisiana no dia de Natal, o jornal The New Star informou.

afp/am/lr

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!