Três civis israelenses são mortos a facadas por palestino na Cisjordânia

Exército informou que agressor foi baleado, mas não se sabia se estava ferido ou morto

Três pessoas morreram e uma outra ficou ferida após o ataque
Três pessoas morreram e uma outra ficou ferida após o ataque Reuters

Três israelenses foram esfaqueados até a morte e um quarto foi ferido em um ataque no assentamento israelense Neve Tsuf, na Cisjordânia, nesta sexta-feira (21), informaram o exército israelense e a mídia local.

O exército afirmou, em uma declaração, que as quatro vítimas eram civis israelenses e que o agressor também foi baleado. Não se sabia se ele estava morto ou ferido.

A Radio Israel identificou-o como um palestino de 19 anos da aldeia da Cisjordânia, Khobar, perto de Ramallah.

Israel suspeita de ação terrorista em atropelamento de militares em Jerusalém

Mais cedo, o presidente palestino, Mahmoud Abbas, determinou a suspensão de todo contato oficial com Israel após os confrontos diários que estão ocorrendo entre palestinos e forças de segurança israelenses em Jerusalém, devido a medidas de segurança tomadas por Israel para assegurar a segurança da Cidade Velha.