Minas Gerais

25 de Outubro de 2014

Você está em:

Notícias

Notícias

Acidentes nas rodovias mineiras matam 65 pessoas durante o feriado de Natal

Batidas fizeram cerca de 13 vítimas por dia no Estado

Márcia Costanti, do R7 MG | 26/12/2012 às 12h19
Publicidade

Os acidentes nas rodovias federais e estaduais que cortam Minas Gerais mataram 65 pessoas no feriado de Natal. No total, foram 921 batidas que deixaram 750 pessoas feridas entre a sexta-feira (21) e a manhã desta quarta-feira (26), conforme balanço divulgado pela Polícia Rodoviária Federal e pela Polícia Militar. O número significa uma média de 13 mortes por dia durante o feriado prolongado.

Ainda de acordo com os dados, foram realizados 2.255 testes do bafômetro, sendo que 67 pessoas foram presas por embriaguez ao volante e 71 foram multadas. Foram recolhidas 236 carteiras de habilitação. Dez veículos produtos de roubo ou furto foram recuperados.

Leia mais notícias no R7 MG

Mulher morre e outras quatro pessoas ficam feridas na Via Expressa

Casal de irmãos morre em acidente com motorista inabilitado no sul de MG

Acidentes nas rodovias mineiras já mataram pelo menos 25

Somente nas rodovias federais, 28 pessoas perderam a vida nos 475 acidentes registrados. Outras 322 ficaram feridas. Nas BRs mineiras, o dia mais crítico foi sábado (22), quando dez pessoas morreram em batidas. O tipo de acidente que mais matou nas rodovias federais mineiras foram as colisões frontais.

Já segundo a Polícia Militar, as principais causas das batidas são falta de atenção, velocidade incompatível com a via, embriaguez, defeito mecânico, animal na pista, ultrapassagem perigosa e trafegar na contramão.

 
Veja Relacionados:  acidentes, rodovias, mineiras, 57 pessoas, feriado, natal, estado
acidentes  rodovias  mineiras  57 pessoas  feriado  natal  estado 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS