Minas Gerais

20 de Outubro de 2014

Você está em:

Notícias

Notícias

Amigos criam "mapa das gatas" nas baladas de BH

Site mostra os locais onde a presença feminina bomba na noite da cidade

Ramon Guerra, do R7 MG | 21/12/2012 às 01h30

Publicidade

Os marmanjos de Belo Horizonte agora têm um importante aliado na hora de escolher o caminho para curtir as baladas na capital mineira. Dois jovens, insatisfeitos com a forma de divulgação das festas e eventos e o mistério do paradeiro das mulheres, resolveram oferecer o "mapa da mina": site onde estão os locais com a maior porcentagem de presença feminina na cidade.

Dos locais que aparecem no "top 10" de 2012, segundo levantamento do site Fuzaca, sete estão localizadas na região centro-sul da capital mineira e três na Pampulha. Conforme um dos fundadores, Thiago Hufnagl, 30 anos, a quantidade de mulheres em cada local depende da casa de shows e do evento que será realizado.

O campeão da mulherada é o Churrasquinho do Manuel, espaço que funciona na orla da lagoa da Pampulha, e possui média, de acordo com o site, de 68,55% de mulheres contra apenas 31,45% de comparecimento de homens nos eventos realizados no local.

Segundo Ludmila Estanislau, proprietária do Churrasquinho do Manuel, a busca por atrair as mulheres para o local é grande, já que quanto mais elas forem, mais eles irão.

— A gente tenta atrair mais as mulheres, até porque o homem tenta ir nos lugares que tem mais mulheres, né?

Usuário assíduo do site, o analista de suporte Felipe Augusto Nunes, de 26 anos, conta que, com o "mapa" os amigos acabam definindo melhor o evento escolhido para a noite de balada.

— Isso é direto. Escolhemos que vamos para "tal" evento, e vamos vendo qual tem mais mulher confirmada, daí o outro fala: 'não, esse aqui tem mais mullher bonita, vamos pra lá!'

A situação se repete com o gestor público Davidson Frossard Rocha, 34, e seu grupo de amigos. Segundo ele, até a porcentagem da divisão por sexo mostrada no site é confirmada.

— No início eu achava que era meio "lorota", mas estava até comentando com um amigo meu essa questão recentemente. Das cinco festinhas que acessei lá, "tava" batendo até a porcentagem.

Leia mais notícias no R7 MG

Como funciona?

Segundo Hufnagel, a ideia partiu dele e do primo, Igor Hufnagel, 25, que atua como sócio, há um ano. A dupla se propôs a criar um aplicativo para celular que pudesse ajudá-los a não perder mais os eventos, já que eles "só ficavam sabendo das festas depois de elas terem acontecido". Para sustentar o aplicativo, nasceu o site, há cerca de seis meses.

— Estávamos errando por um a 2%. Mas essa é a margem de erro que a gente estabelece, então, estamos dentro do previsto.

Tudo que você precisa saber agora está a um clique de distância: nova home do portal R7

 
Veja Relacionados:  mapa das minas, baladas, presença feminina, mulheres, mulherada, shows, homens, site, aplicativo, celular,
mapa das minas  baladas  presença feminina  mulheres  mulherada  shows  homens  site  aplicativo  celular 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS