Minas Gerais

31 de Outubro de 2014

Você está em:

Notícias

Notícias

Construção civil já causou 56 mortes em Minas em 2012

Falta de qualificação e uso de equipamentos de segurança são principais causas

Do R7 MG com Record Minas | 13/12/2012 às 08h30
Publicidade

A correria para entregar uma obra ou mesmo a falta de qualificação podem ser fatais para os trabalhadores. Em 2012, 56 operários morreram em decorrência de acidentes na construção civil. O higienista ocupacional Helvécio do Carmo ressalta que a expansão do setor contribuiu para o crescimento no número de óbitos.

— O aumento nas obras faz com que o empregador não tenha tempo para qualificar o trabalhador.

No dia 30 de novembro, o operário Elson de Souza Araújo, de 31 anos, morreu após se desequilibrar e cair do sétimo andar de uma obra na região centro-sul da cidade. Ele teria esquecido de travar o cinto de segurança. Sindicalistas e vizinhos da obra, no entanto, denunciaram irregularidades contra a empresa.

Leia mais notícias no R7 MG

Barranco cede e operários são atingidos por parede em obra

Operário cai de laje e tem abdome perfurado por vergalhão

O risco está ainda em pequenas reformas, principalmente se não forem observados cuidados básicos, como o uso de equipamentos individuais. Carmo afirma que a responsabilidade pela segurança do trabalhador está nos dois lados.

— A empresa que não dá qualificação para o trabalhador pode ser penalizada por isso. Assim como o trabalhador pode ser relapso e, por isso, ser advertido ou até mesmo dispensado por justa causa.

Quer saber todas as notícias do momento? Então, clique aqui!

 
Veja Relacionados:  construção civil, qualificação, uso de equipamentos, segurança, causas, qualificação
construção civil  qualificação  uso de equipamentos  segurança  causas  qualificação 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS