Minas Gerais

30 de Setembro de 2014

Você está em:

Notícias

Notícias

Defesa de Bruno tenta última "cartada" para tirar goleiro da cadeia antes de júri

Tribunal julga pedido de prisão domiciliar na quarta-feira (27)

Enzo Menezes, do R7 MG | 25/02/2013 às 00h30
Publicidade

O goleiro Bruno Fernandes tenta a última chance de sair da cadeia antes do julgamento marcado para o dia 4 de março. Na próxima quarta-feira (27), a 4ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça julga o pedido de prisão domiciliar formulado pela defesa do goleiro. Junto ao documento, será incluído o interesse do time Boa Esporte Clube, de Varginha, no sul de Minas, em contratar o jogador.

O pedido está nas mãos do desembargador Doorgal de Andrada, que já negou habeas corpus para Bruno e a anulação do julgamento de Luiz Henrique Romão, o Macarrão.

A prisão domiciliar foi pedida por Lucio Adolfo, advogado que representará Bruno no júri popular. No dia 21 de dezembro, ele foi indeferido liminarmente pela desembargadora de plantão Beatriz Pinheiro Caires. Caso consiga o benefício, o atleta fica livre durante o dia, mas não pode sair de casa depois das 22 horas.

A estratégia de Adolfo é levar Bruno pela porta da frente no dia 4 para sensibilizar os jurados.

— O grande objetivo agora é tirá-lo da cadeia antes do julgamento. Ele precisa ir para casa. Este é o processo mais sem provas que analisei em toda a minha vida. Fico chateado porque tem muita gente que dá palpite sem ter lido uma linha dos 66 volumes.

 
Veja Relacionados:  bruno, lucio adolfo, eliza samudio, julgamento, prisão domiciliar
bruno  lucio adolfo  eliza samudio  julgamento  prisão domiciliar 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS