Minas Gerais

17 de Abril de 2014

Você está em:

Notícias

Notícias

Governo anuncia R$ 235 milhões para 17 aeroportos em Minas

Construção e ampliação de terminais está prevista para os próximos dois anos

Do R7 MG | 08/01/2013 às 16h00
Publicidade

Dezessete aeroportos em Minas Gerais devem receber R$ 235 milhões para obras de construção e melhorias até 2014. O investimento, que faz parte do Programa Aeroportuário de Minas Gerais (ProAero), foi anunciado nesta terça-feira (8) pelo governador Antonio Anastasia.

Os primeiros terminais programados para receber o aporte são os aeroportos de Januária, Pirapora e Teófilo Otoni, que somam R$ 24 milhões. Além disso, R$ 117,6 milhões devem ser destinados a construção de terminais em Itajubá, Patos de Minas, Governador Valadares, Almenara e Caxambu.

Anastasia destacou a importância de obter os créditos junto ao Governo Federal para a ampliação do setor aéreo regional.

— Minas precisa de uma boa infraestrutura para levar o transporte e o desenvolvimento aos mineiros. A existência de aeroportos regionais, em boas condições, permitirá cada vez mais a expansão da nossa linha de aviação regional. O fundamental é que esses aeroportos também sirvam como portal de atração de empresas.

Está prevista ainda a ampliação em Pará de Minas, Serro, Três Corações e Poços de Caldas. Itambacuri, Muriaé e Pouso Alegre devem receber estudos de viabilidade e projetos executivos para reforma e ampliação. As unidades de Diamantina, Patos de Minas e São João Del Rey devem receber equipamentos no valor de R$ 8,5 milhões.

 
Veja Relacionados:  minas, aeroportos, anastasia, investimentos
minas  aeroportos  anastasia  investimentos 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS