Minas Gerais

22 de Dezembro de 2014

Você está em:

Notícias

Notícias

Homicídios e demais crimes violentos disparam em Minas em comparação a janeiro de 2012

Governo passa a divulgar número de pessoas assassinadas; em BH, 47 foram mortos em 2013

Enzo Menezes, do R7 MG | 04/02/2013 às 19h25
Publicidade

Minas Gerais registrou 6.787  ocorrências de crimes violentos em janeiro de 2013. Um total de 1.139 ocorrências a mais do que no mesmo período do ano passado. No que se refere a homicídios, a violência no Estado volta a crescer: foram 355 ocorrências, com 364 pessoas mortas, contra 335 em 2012. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira (4) pela Seds (Secretaria de Estado de Defesa Social).

Crimes violentos crescem 7,8% em Minas em 2012, segundo Seds

Em janeiro de 2012, os mineiros presenciaram 5.648 crimes. Este registro engloba homicídios, tentativas de homicídio, sequestro e cárcere privado, estupro, tentativa de estupro, roubo e extorsão mediante sequestro.

Puxados por ataques a caixas eletrônicos, o número de danos ao patrimônio também cresceu: de 4.641 para 5.760.

Em Belo Horizonte, foram 2.308 ocorrências de crimes violentos no último mês, contra 2.031 no mesmo período do último ano. São 91,7 ocorrências por 100 mil habitantes. Na capital, o número de homicídios caiu, de 67 para 47, mesmo número de pessoas mortas no período.

Pela primeira vez em pelo menos cinco anos, o Governo de Minas altera a metodologia e passa a divulgar o número de pessoas mortas, como recomendado pelo Ministério da Justiça . Esta é uma reivindicação antiga de movimentos sociais e especialistas em segurança pública.

 
Veja Relacionados:  assasinados, estatística, seds
assasinados  estatística  seds 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS