Minas Gerais

22 de Outubro de 2014

Você está em:

Notícias

Notícias

Manifestação de caminhoneiros interdita parcialmente trânsito na BR 381

Categoria pede mudanças em legislação que regulamenta transporte de carga

Márcia Costanti, do R7 MG | 25/07/2012 às 12h23
Publicidade

Uma manifestação de caminhoneiros interditou parcialmente a pista da BR 381, no km 356, em João Monlevade na manhã desta quarta-feira (25).

De acordo com as informações preliminares da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o trânsito no local flui lentamente, já que foi fechada apenas uma faixa em cada sentido da rodovia. A PRF informou ainda que três pessoas foram detidas no local.

Categoria reivindica mudanças

Segundo o presidente do Sindicato dos Transportadores de Carga Autônomos de Minas Gerais, José Carneiro, a categoria reivindica a prorrogação por um ano da lei 12.619 regulamentada pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran). Ele alega que, embora a regulamentação seja uma conquista do setor, já que exige que os profissionais façam pausas para descanso durante as viagens, é difícil cumprir a determinação, já que não há pontos de apoio para os caminhoneiros na estrada.

Carneiro informou ainda que os caminhoneiros pedem também que as resoluções 3658 e 3056 da Agência Nacional de Transportes Terrestres sejam reavaliadas e reelaboradas através de novos debates. O sindicalista alega que a proposição define que os caminhoneiros façam o pagamento tributário da carga por meio eletrônico, mas que os impostos cobrados pelas financeiras prestadoras do serviço ultrapassam as condições financeiras dos trabalhadores.

Ainda segundo ele, a paralisação dos profissionais continua e a adesão é forte. Novas manifestações estão programadas para amanhã(26).

 
Veja Relacionados:  manifestação, caminhoneiros, trânsito
manifestação  caminhoneiros  trânsito 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS