Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

11/7/2013 às 15h01

Alunos da UFRRJ fazem denúncias de estupro através de rede social

Eles relatam descaso da reitoria e falta de segurança no campus

Do R7

Alunos da UFRRJ (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro) em Seropédica denunciam o abandono do local e a falta de segurança através de um perfil em uma rede social. Com poucos guardas para fazer vigilância, roubos e tentativas de estupro são constantes no campus, que é de difícil acesso, mal iluminado e com matas em diversas partes da localidade.

Após a última tentativa de estupro à uma aluna, os universitários criaram o perfil para relatar crimes e fazer críticas ao descaso da UFRRJ na área da segurança. Gustavo Pereira, do DCE-Rural (Diretório Central dos Estudantes) disse que o efetivo de guarda da faculdade é reduzido devido a uma posição do governo federal de não fazer mais concurso para seguranças para contratar guardas terceirizados. Ele também relata que pela não fiscalização da área, as tentativas de abuso sexual têm causado medo e desistências de estudar na universidade por parte de alunas. Os professores da unidade de ensino apoiam a iniciativa dos estudantes e afirmam que esse temor causa problemas na formação acadêmica e profissional.

Procurados, o Batalhão de Queimados (24ª BPM) informou que faz um patrulhamento especial em torno da UFRRJ e, que sempre há um carro de patrulha no portão principal do local. A reitoria da universidade afirmou que já há um estudo de implementar uma forma de monitoramento e, que fará novas contratações de vigilantes.

Assista o vídeo:

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade
Compartilhe
X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!