Crivella recebe representantes da Liesa e assina acordo sobre financiamento do Carnaval

Prefeito anunciou também reformas nas arquibancadas e banheiros da Sapucaí

Crivella se encontrou com lideranças da Liesa nesta segunda (17)
Crivella se encontrou com lideranças da Liesa nesta segunda (17) Divulgação/Prefeitura

O prefeito do Rio, Marcelo Crivella (PRB), esteve reunido na manhã desta segunda-feira (17) com representantes da Liesa (Liga Independente das Escolas de Samba) para discutir a pauta sobre o repasse concedido pela RioTur para as agremiações. No encontro ficou acertado que a prefeitura encaminhará R$ 1 milhão para cada escola, que será pago em cinco parcelas até novembro, num total de R$ 13 milhões.

O presidente da RioTur, Marcelo Alves, explicou que aguarda as propostas de empresas interessadas até o dia 15 de agosto para a captação da verba complementar ao subsídio dado pela Prefeitura. A intenção é conseguir mais R$ 500 mil para cada agremiação, com o objetivo de diminuir os impactos dos R$ 1 milhão cortados pelo executivo municipal.

Para o prefeito, o encontro teve o clima bastante descontraído. Ele afirmou ainda que, quando sugeriu a criação do bloco "É conversando que a gente se entende", sabia que tudo acabaria bem. Crivella disse que, apesar da crise financeira, há um grande esforço para se conseguir mais verbas em patrocínio da iniciativa privada.

— Finalmente, hoje assinamos com a Liga para repassar os recursos às escolas.  Isso vai garantir que o Carnaval seja celebrado da mesma maneira que tem sido nos outros anos. Quero tranquilizar o povo do Rio de Janeiro, dizendo que, dentro das possibilidades, o Carnaval está mantido. E vamos em frente!

Crivella garantiu que a reforma das arquibancadas e dos banheiros da Sapucaí deve começar em breve. Ele anunciou também que serão instalados 700 novos refletores com lâmpadas de led. De acordo com a Prefeitura, somente com essas obras devem ser investidos cerca de R$ 1,1 milhão.