Jovem atingido na cabeça por reboco de viaduto segue em estado grave

Marlon Jean Vasconcellos está internado no CTI do hospital Salgado Filho

Segundo parentes, a ambulância do Samu demorou para aparecer
Segundo parentes, a ambulância do Samu demorou para aparecer Reprodução Rede Record

Quatro dias após um bloco de concreto se desprender de um viaduto na zona norte do Rio e atingir a cabeça de Marlon Jean de Vasconcellos, de 18 anos, o estado de saúde do jovem ainda é considerado grave, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde.

Ele passou por duas cirurgias no Hospital Municipal Salgado Filho e segue internado no centro de tratamento intensivo da unidade. No acidente, o rapaz sofreu hemorragia interna e traumatismo craniano.

A pedido da Record, um representante do Crea-RJ (Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura) visitou o viaduto onde ocorreu o episódio no bairro de Del Castilho e classificou o caso como uma “tragédia anunciada”. Segundo ele, o local está em péssimo estado de conservação e possui infiltrações.

A Secretaria Municipal de Obras informou que a estrutura vai passar por uma reforma, que deve ficar pronta dentro de cinco meses, ao custo de R$ 1,3 milhão.

Assista ao vídeo: