R7 - Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

27 de Maio de 2016

Notícias

Após sucessão de panes, passageiros enfrentam
longos intervalos nos trens da Supervia

Houve pelo menos seis ocorrênvias desde o início da manhã desta sexta

Do R7 | 23/12/2011 às 19h09
Publicidade

Uma sucessão de panes e problemas operacionais tornou difícil a volta para casa nos trens da Supervia, concessionária responsável pelo serviço, na tarde desta sexta-feira (23). Durante toda a tarde, os passageiros enfrentaram atrasos de até 50 minutos em vários ramais.

Às 18h30, os intervalos no ramal de Japeri eram de 50 minutos no trecho entre Japeri e Paracambi. No ramal de Belford Roxo, os passageiros tinham que esperar até 40 minutos entre um trem e outro. O tempo de espera das composições que seguem da Central para Saracuruna variam entre 20 minutos a 45 minutos no trecho de Saracuruna e Vila Inhomirim.

Segundo a Supervia, houve seis ocorrências ao longo do dia, o que teria provocado um efeito cascata. A primeira pane ocorreu por volta de 6h40na estação Jardim Primavera em um trem do ramal de Saracuruna que seguia para a Central do Brasil. A composição teve que ser retirada de circulação. Alguns minutos depois, mais um trem apresentou problema, desta vez, em um trem do ramal de Belford Roxo, na altura de Rocha Miranda, na zona norte do Rio.

Ainda pela manhã, uma avaria tirou de circulação mais um trem na estação Costa Barros, na zona norte do Rio, provocando mais atrasos nos intervalos. Pouco antes das 10h, um carro atravessou a via férrea próximo à estação de Suruí, batendo em um trem que seguia de Saracuruna para Guapimirim, na Baixada Fluminense.

Por volta de 11h30, um trem do ramal de Saracuruna pifou próximo à Central do Brasil. Os passageiros tiveram que desembarcar na via e caminhar até a estação. Por conta disso, houve atrasos nos ramais de Deodoro, Santa Cruz, Japeri, Belford Roxo e Saracuruna.

Duas horas depois, um problema na sinalização dos ramais de Belford Roxo e Saracuruna provocou mais transtornos para os passageiros.

Nem mesmo o secretário Estadual de Transportes, Júlio Lopes, e o presidente da Supervia, Carlos José Cunha, escaparam do sufoco ao fazer a viagem de estreia dos trens modernizados na manhã desta quinta-feira (22).

O ar-condicionado pifou e todos tiveram que trocar de vagão para prosseguir viagem.


 
Veja Relacionados:  Passageiros, intervalos, trens, Supervia
Passageiros  intervalos  trens  Supervia 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS