R7 - Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

3 de Setembro de 2014

Notícias

Corpo de menina de 2 anos, vítima de estupro, é enterrado no Rio

Padrastro, de 19 anos, é suspeito de violentar a menina

Do R7, com Rede Record | 08/01/2013 às 21h42
Publicidade

Foi enterrado na tarde desta terça-feira, no cemitério São Francisco Xavier, no Caju, zona portuária do Rio de Janeiro, o corpo da menina de dois anos, que teria morrido após ser estuprada pelo padrasto na tarde de segunda-feira (7) em Marechal Hermes, zona norte do Rio de Janeiro. Preso, o padrasto da garota alega que a enteada foi vítima de acidente doméstico.

Na despedida, a mãe da menina passou mal e precisou ser socorrida. Emocionada, a prima da vítima, Fabiana da Conceição, fez um alerta às mulheres para que tomem cuidado ao colocar pessoas estranhas dentro de casa.

— Tem que pensar muito antes de colocar outras pessoas dentro de casa, principalmente quando tem crianças pequenas envolvidas. Isso que aconteceu com a minha prima, serve de alerta.

Os vizinhos da menina estão arrasados. Segundo Sérgio Ricardo, ele foi chamado pelo pai da garota para ajudar no socorro à vítima.

—Ele bateu no meu portão para eu ajudar dizendo que a geladeira tinha caído em cima da menina. Peguei a carteira e a chave do carro e a levei para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento).

Em depoimento à polícia, o suspeito deu várias versões sobre o que teria provocado a morte da menina, mas em nenhum momento confessou ter abusado sexualmente da criança. Ele vai continuar preso pelo crime de homicídio, o que pode mudar de acordo com o resultado do exame do IML (Instituto Médico Legal), que deve ficar pronto em uma semana.

Assista ao vídeo:


 
Veja Relacionados:  estupro, corpo, enterro
estupro  corpo  enterro 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS