R7 - Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

27 de Maio de 2016

Notícias

Família de homem atropelado por filho de Eike
Batista chega ao IML de Caxias para liberar corpo

Acidente foi na noite de sábado na rodovia Washington Luís

Do R7, com Rede Record | 18/03/2012 às 08h10
Publicidade

A família do ajudante de caminhão Wanderson Pereira dos Santos, de 30 anos, que morreu atropelado em um acidente envolvendo o filho mais velho do empresário Eike Batista e da ex-modelo Luma de Oliveira, Thor de Oliveira Fuhrken Batista, 20 anos, chegou às 8h deste domingo (18) ao IML (Instituto Médico Legal) de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, para fazer o reconhecimento e liberação do corpo.

Veja fotos do acidente com filho de Eike Batista

Thor é suspeito de atropelar a vítima, por volta das 19h20 de sábado (17), na pista sentido Rio da rodovia Washington Luís, nas proximidades do distrito de Xerém, em Caxias.

Policiais rodoviários federais informaram que ele dirigia um Mercedes Benz McLaren prata, placa EIK-0063, que teve a parte da frente destruída. O acidente teria acontecido logo após um retorno. Santos estava em uma bicicleta e morreu na hora.

O caso foi registrado na Delegacia de Xerém (61ª DP) como homicídio culposo, ou seja, sem a intenção de matar. Um inspetor de plantão neste domingo informou que Thor deve comparecer à unidade na segunda-feira (19) para prestar esclarecimentos ao delegado Mario Roberto Arruda.

O R7 tenta contato com Thor e com os advogados da família Batista, mas não teve retono até a publicação desta reportagem.

Perfil: um carioca cobiçado

Nascido em berço bilionário, o carioca Thor Batista não gosta do título de príncipe William brasileiro. O loiro declarou durante entrevista em 2011 não se achar o melhor partido do País.

- Não sou o melhor partido do Brasil, nem sou orgulhoso por acharem isso [sobre ser o William brasileiro] de mim. Me acho, no máximo, um cara boa pinta.

Veja quem são alguns dos mais ricos herdeiros do Brasil
Thor Batista exibe aliança de ouro na mão esquerda

Voltaria a namorar o Thor, diz a panicat Nicole Bahls

Luma fica aliviada ao ver o filho separado de panicat

E nem adianta tentar enganar o herdeiro de Eike. O filho do bilionário afirma:

- Eu já vim com detector de gente interesseira embutido. Já me decepcionei algumas vezes, claro, mas aprendo. Sou de pouquíssimos e bons amigos.

Thor Batista começou cedo no mundo dos negócios. Ele coordena seu primeiro projeto, a BBX, empresa no ramo de entretenimento e turismo, sempre com cautela.

- Não sou tão ousado. Faço grandes tacadas, pouco a pouco. Aprendi isso com meu pai.

O loiro revelou que sofreu por ser gordo na infância e contou o quão difícil foi superar a separação dos pais quando tinha apenas 13 anos.

- Foi um trauma, um processo muito doloroso. Fiquei quase um mês sem ir à escola, mas o tempo curou.

http://i2.r7.com/4.jpg

(Arquivo pessoal / Nicson Olivier)


Veja Relacionados:  Família, atropelado, filho, Eike Batista, IML, Caxias, liberar, corpo
Família  atropelado  filho  Eike Batista  IML  Caxias  liberar  corpo 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS