R7 - Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

19 de Setembro de 2014

Notícias

Familiares e amigos organizam missa pelos 20 anos da morte de Daniella Perez

Crime ocorreu em 1992; corpo foi achado na Barra da Tijuca

Do R7 | 28/12/2012 às 02h00
Publicidade

Familiares e amigos da atriz Daniella Perez, morta em 28 de dezembro de 1992, participarão de uma missa nesta sexta-feira (28), data que marca o vigésimo ano de seu assassinato. A cerimônia está marcada para as 19h, na paróquia da Ressurreição, rua Francisco Otaviano, 99, em Ipanema, zona sul do Rio de Janeiro.

Daniella morreu aos 22 anos, quando vivia a personagem Yasmin na novela Corpo e Alma, escrita pela mãe Glória Perez. O também ator Guilherme de Pádua e sua mulher à época, Paula Thomaz, confessaram o crime cometido com golpes de tesoura. O corpo foi encontrado em um matagal na Barra da Tijuca, zona oeste.

Em 1997, Pádua foi condenado a 19 anos de prisão. Já Paula foi condenada a 18 anos e meio. O casal cumpriu parte da pena. Os dois foram beneficiados por indulto por bom comportamento. Hoje, perante a Justiça, são considerados sem antecedentes criminais.


 
Veja Relacionados:  daniella, missa
daniella  missa 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS