R7 - Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

1 de Setembro de 2014

Notícias

Garçonete de restaurante que explodiu
no centro do Rio continua em estado grave

Funcionário internado no Miguel Couto apresenta sinais de evolução

Do R7 | 24/10/2011 às 12h05
Publicidade

A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro informou nesta segunda-feira (24) que dois funcionários do restaurante que explodiu no centro na última quinta-feira (13) continuam internados em hospitais do município. 

Exclusivo: veja como ficou por dentro restaurante que explodiu

A garçonete Daniele Cristina Pereira, de 18 anos, permanecia internada no CTI (Centro de Terapia Intensiva) do Hospital Municipal Souza Aguiar, no centro, no início desta tarde, em estado grave. 

Já o estado de saúde de Egídio da Costa Neto, de 46 anos, era estável. Segundo a secretaria, ele permanecia na enfermaria masculina do Hospital Miguel Couto, na Gávea, e demonstrava sinais de evolução. Não há previsão de alta. 

O corpo do auxiliar de cozinha José Roberto Farias, de 28 anos, que também foi vítima da explosão no restaurante Filé Carioca, foi enterrado na última quinta-feira (20), no cemitério São João Batista, em Botafogo, na zona sul do Rio. Ele estava internado em estado grave no Hospital Municipal Souza Aguiar, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na última quarta-feira (19). 

A explosão deixou quatro mortos e 16 feridos.


Veja Relacionados:  Egídio da Costa Neto, Daniele Cristina Pereira, garçonete, explosão, CTI, hospital
Egídio da Costa Neto  Daniele Cristina Pereira  garçonete  explosão  CTI  hospital 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS