R7 - Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

2 de Setembro de 2014

Notícias

Homem sobrevive após ter olho perfurado por arpão; médicos falam em milagre

Ele estava manuseando o objeto; artérias vitais não foram atingidas por milímetros

Do R7 | 19/04/2013 às 11h15

Publicidade

Um homem de 34 anos teve o canto do olho esquerdo perfurado por um arpão em Petrópolis, na região serrana do Rio. O objeto disparou contra o rosto de Bruno Barcellos de Souza Coutinho, atingindo o olho e atravessando o crânio. Ele foi resgatado por uma equipe do Corpo de Bombeiros de Petrópolis e deu entrada no Hospital Santa Teresa lúcido e orientado.

O objeto de 30 cm perfurou 15 cm do crânio de Coutinho. Após uma cirurgia de quatro horas, o objeto foi retirado, sem que o paciente sofresse qualquer tipo de dano neurológico. Os médicos afirmaram que ele sobreviveu graças a um milagre e a ação eficiente da equipe médica. O caso aconteceu na tarde de segunda-feira (15).

De acordo com o chefe da neurocirurgia do hospital, Orlando Maia, o arpão ficou milímetros de atingir artérias vitais do paciente. O caso foi considerado como uma raridade e o procedimento é inédito no município de Petrópolis.

Segundo os médicos, por sorte, o arpão utilizado por Bruno estava completamente vedado com uma fita isolante, o que impossibilitou que ele se armasse. O chefe da traumatologia buco-maxilo-facial, Edelto Antunes, disse que os médicos precisaram entrar em contato com a família para dar prosseguimento à cirurgia.

— Nós entramos em contato com um familiar que nos trouxe outro arpão vedado, pois nos exames não sabíamos precisar o tipo de fita que estava isolando essas garras. Assim que comprovamos o material optamos por retirar o arpão da mesma maneira que ele entrou, pela frente.

Na terça-feira (16), Bruno passou por uma segunda cirurgia. O objetivo era manter o olho esquerdo do paciente. Os médicos precisaram reconstruir todo o globo ocular. Para o neurocirurgião Diogo Freitas, se ele mantiver o bom quadro de melhora, há a possibilidade de alta médica nos próximos três dias.

— Mesmo estando internado no CTI, o paciente vem apresentando melhora constante. Ele continua em observação, pois nesse momento a nossa preocupação é com relação a uma possível infecção, mas, caso ele venha manter o quadro, a possibilidade de alta é muito grande para os próximos dias.

Assista ao vídeo:

Relembre outros casos

No final de agosto de 2012, um operário que teve o crânio perfurado por um vergalhão de 2 m. Eduardo Leite trabalhava em uma obra em Botafogo, na zona sul da cidade. Segundo a equipe médica,  se ele fosse atingido mais 3 cm para a direita do crânio, ficaria sem movimentos no corpo. Ele ficou internado durante 15 dias no Hospital Municipal Miguel Couto.

Em setembro um homem de 47 anos sobreviveu após ter o pescoço perfurado por um vergalhão, em uma obra na ladeira dos Tabajaras, em Copacabana, na zona sul do Rio de Janeiro. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, a cirurgia para a retirada da peça durou cinco horas. O cirurgião Alexandre Azevedo disse que o operário recebeu os primeiros socorros adequados, o que, segundo ele, garantiu sua sobrevivência.


 
Veja Relacionados:  homem. sobrevive, olho, perfurado, arpão, médicos, milagre
homem. sobrevive  olho  perfurado  arpão  médicos  milagre 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS