R7 - Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

27 de Maio de 2016

Notícias

Marcha das Vadias é marcada por tumulto em Copacabana

Manifestantes tentaram ocupar três faixas de via e foram impedidos pela PM

Do R7 | 26/05/2012 às 19h13
Publicidade

A manifestação conhecida como Marcha das Vadias foi marcada por tumulto na tarde deste sábado (26), em Copacabana, na zona sul do Rio. Quando manifestantes tentaram ocupar três das quatro faixas da avenida Atlântica, agentes da Guarda Municipal impediram. Houve discussão e a PM foi chamada para acompanhar o protesto.

Da orla, os manifestantes seguiram pelas ruas do bairro e intensificaram os protestos em frente à Delegacia de Copacabana (12ª DP). Os centenas de manifestantes também pararam em frente à uma igreja católica no bairro e a PM teve que agir para impedir que um grupo de pessoas invadissem o templo.

Algumas pessoas chegaram até o pátio do templo e uma mulher tirou a blusa, ficando com os seios à mostra. A situação incomodou algumas pessoas que participaram de uma missa. Apesar do tumulto, ninguém foi preso.

O protesto reuniu pela segunda vez na cidade mulheres que querem reafirmar o direito sobre os seus corpos e criticar a postura da sociedade em relação ao estupro.

A Marcha das Vadias teve inicio no Canadá em resposta a conduta machista de um policial. Ele declarou que as mulheres eram vítimas de ataques sexuais, pois se “vestiam como vagabundas”.

A partir do fato, inúmeras manifestações surgiram em todo o mundo. No Brasil, a cidade de São Paulo foi a primeira capital brasileira a organizar a marcha, seguidas das cidades do Rio de Janeiro, Recife, Fortaleza, Brasília, Salvador e outras.

A manifestação começou no Posto 4, passou pela  Delegacia de Copacabana (12ª DP), voltou pela avenida Nossa Senhora de Copacabana até a Atlântica, e terminou no Posto 2.

vadias

PM teve que intervir durante o protesto em frente à igreja católica em Copacabana (foto: AE)


 
Veja Relacionados:  Copacabana, vadias,
Copacabana  vadias 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS