R7 - Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

27 de Maio de 2016

Notícias

Nana Gouvêa se aventura em aula de artes sensuais

Atriz e modelo gastou energia e aprendeu técnicas de sedução a pedido do R7

Ana Carolina Malvão, do R7 | 20/09/2011 às 19h40
Publicidade

A sensualidade da mulher carioca sempre foi fonte de inspiração para compositores e poetas, e ficou conhecida mundialmente quando Vinícius de Moraes e Tom Jobim criaram e imortalizaram a garota de Ipanema, na década de 60. Mais de 50 anos depois, "as moças douradas do sol de Ipanema" continuam sendo autoridades quando o assunto é mexer com a cabeça dos homens. E, pelo visto, será assim ainda por muito tempo, tamanho o crescimento do número de "alunas" que procuram as aulas de artes sensuais, nova modalidade de dança que promete, entre outras coisas, apimentar a relação (veja vídeo abaixo).

Porém, apesar do aumento na procura, muitas mulheres ainda têm vergonha de admitir que fazem aulas de artes sensuais. Algumas sequer contam para os maridos e namorados, mas o segredo acaba sendo revelado entre quatro paredes após a demonstração das técnicas aprendidas. A professora Isis Ahava, que dá aula numa academia em Copacabana, na zona sul do Rio, afirma que homens mais moderninhos e antenados chegam a pagar o curso para as companheiras.

- Tem marido e namorado que me liga querendo que a parceira faça as aulas, querem dar de presente. Outros nem sabem de nada. As mulheres ainda têm medo do que os outros vão pensar.

Segundo a professora, que também pratica dança do ventre, o público que busca as aulas de artes sensuais é bem variado. Não existe preconceito, nem é preciso ser mulher de capa de revista, basta querer fazer o curso, que pode incluir ainda aula de massagens.

- Pessoas de 18 a 70 anos, solteiras, casadas e até viúvas procuram o curso. Tem gente que procura para se desinibir e fazer as pazes com a sexualidade.

Mas a professora é firme ao dizer que não existe baixaria nas aulas. O importante é que as mulheres recuperem a autoestima e apimentem a relação. E, para isso, basta se desinibir e aproveitar.

A reportagem do R7 convidou a atriz e modelo Nana Gouvêa (que é goiana) para experimentar uma aula de artes sensuais com a professora Isis. Em um estúdio em Copacabana, ela aprendeu quatro tipos de danças diferentes que podem ser feitas em casa mesmo: a strip-dance, que usa os movimentos sensuais do strip tease; a floor-dance, uma dança sensual realizada no chão ou na parede; a chair-dance, que é feita com o auxílio de uma cadeira e a lap-dance, uma dança que também utiliza a cadeira, mas com o parceiro sentado nela.

Nana começou aprendendo as técnicas de mansinho. Logo ficou à vontade e, no final, estava muito animada.
 
- Adorei fazer a aula, recomendo muito. Quando o casal tem cumplicidade, sintonia e se diverte junto, pode ser muito bacana para a relação.
 
E a professora Isis Ahava tem outra boa notícia: além de aflorar a sensualidade da mulher, uma aula dessas é um belo exercício físico.
 
- Em um dia de aula de danças sensuais podem ser perdidas até 700 kcal. A sua saúde, o seu prazer a sua autoestima agradecem.
 
 
Veja Relacionados:  aula, dança, sensualidade, artes sensuais, nana gouvêa, sedução
aula  dança  sensualidade  artes sensuais  nana gouvêa  sedução 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS