R7 - Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

21 de Outubro de 2014

Notícias

Polícia usa helicóptero e blindados em operação
no morro do Preventório, em Niterói

Objetivo é combater tráfico, roubo de carros e violência na cidade

Do R7 | 17/04/2012 às 07h34 | Atualizado em: 17/04/2012 às 14h02
Publicidade

Policiais civis da Core (Coordenadoria de Recursos Especiais) iniciaram às 5h30 desta terça-feira (17) uma operação no morro do Preventório, em Charitas, Niterói, região metropolitana do Estado do Rio de Janeiro.

O objetivo é combater o tráfico de drogas, roubo de veículos e a violência na região.

A ação conta com a participação de veículos blindados e do helicóptero da polícia. Cães farejadores também ajudam na operação.

Até as 8h30, não havia informações sobre presos, apreensões ou tiroteio.

Série de crimes

Nas últimas semanas, Niterói tem sido alvo de uma série de crimes. No último sábado (14) uma mulher morreu com tiro na cabeça durante operação em Pendotiba. No mesmo dia, um jovem de 14 anos foi baleado durante troca de tiros com policiais e morreu no dia seguinte (15). No dia 10 de abril, o policial militar Celso de Jesus foi morto ao tentar impedir um assalto a um posto de gasolina no bairro do Fonseca.

Na noite do dia 7 de abril, o fisioterapeuta Fabiano de Almeida Affonso, de 35 anos, foi baleado na cabeça durante um assalto na estrada Velha de Itaipu, na região oceânica do município.

No dia 5 abril, o estudante de administração Jorge Luiz Carvalho, de 24 anos, teve morte cerebral no hospital das Clinicas de Niterói. Ele foi baleado na madrugada do dia 1º, após tentativa de assalto no Ingá.

Em Icaraí, bairro nobre de Niterói, um médico foi assassinado com um tiro no peito, na manhã do dia 31 de março. Segundo testemunhas, a vítima de 65 anos entrava de carro na garagem do prédio onde morava, na rua Comandante Migueloti Viana, quando foi rendido por dois homens em uma motocicleta.

Reforço no combate à violência

Segundo a Secretaria de Segurança Pública, o policiamento em Niterói recebeu o apoio de 33 motos e 44 soldados do Projeto Garupa, que trabalha com grupamentos de três motos, uma delas com um policial armado na garupa. Também será criada uma base da Polícia Montada na cidade.

Em relação ao policiamento em comunidades, duas Companhias Destacadas do Batalhão de Niterói (12º BPM) estão sendo implantadas, cada uma com cem policiais. Elas estão localizadas nos morros do Cavalão (Icaraí) e do Estado (centro), responsáveis também pelo policiamento nas comunidades vizinhas Souza Soares (Santa Rosa) e Palácio (Ingá).

Assista ao vídeo:

 


 
Veja Relacionados:  polícia, helicóptero, niteró
polícia  helicóptero  niteró 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS