R7 - Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

27 de Maio de 2016

Notícias

Após pane, secretário admite que população
do Rio enfrentará problemas com trens por dois anos

Pane em composição desencadeou protestos e depredações em trens e terminais

André Paino, do R7 | 09/02/2012 às 18h51
Publicidade

O secretário de Transportes, Júlio Lopes, pediu desculpas à população do Rio de Janeiro e informou na tarde desta quinta-feira (9) que os passageiros que utilizam os trens da Supervia não terão dias fáceis nos próximos dois anos. Na manhã desta quinta, pane em uma das composições desencadeou protestos e depredações de trens, da Central Brasil e da estação de Madureira.

Fotos: pane em trem desencadeia depredação

Agência de Transportes do Rio abre processo para apurar causas da confusão nos trens

De acordo com Lopes, todos os investimentos necessários para reformar o sistema ferroviário do Rio de Janeiro já foram feitos, porém, é necessário tempo para que os trabalhos possam ser colocados em prática. Até o momento, apenas quatro dos 34 novos trens comprados de uma empresa chinesa chegaram ao Rio de Janeiro.

- Não teremos dias fáceis nos próximos dois anos. O problema como o de hoje pode voltar a ocorrer. Estamos trocando o pneu com o carro andando. São 49 trens com 50 anos em operação e não podemos fazer a substituição do dia para a noite. O que prometemos já foi cumprido, mas dependemos agora da chegada dos novos trens, que já foram comprados. Para colocá-los em circulação, no entanto, é necessária a homologação do contrato, que somente pode ser feita pelos chineses. Isso tudo leva tempo.

O presidente da Supervia, Carlos Cunha, também se desculpou pelo que ocorreu na manhã com o trem que fazia a linha Queimados – Central do Brasil nesta quinta-feira e disse que o problema foi decorrente de uma falha na válvula de frenagem do trem.

- O problema ocorreu após uma válvula de freio apresentar um problema e, automaticamente, acionou o sistema de emergência que faz com que o trem pare. Esse é um procedimento de segurança.

Cunha disse ainda que o problema teria sido resolvido em cinco minutos, porém, devido às manifestações dos passageiros e à depredação do trem, um reboque precisou ser acionado atrasando ainda mais o serviço.

- Tivemos um evento que certamente não é que o que gostaríamos de ter. As cenas que vimos não é o resultado do trabalho do esforço que temos feito para transformar a Supervia numa concessionária de qualidade. Esse evento ocorreu com um trem que está saindo de circulação. Esse problema vai acabar a medida que os novos trens começaram a entrar em circulação.

Assista ao vídeo:

 

 
Veja Relacionados:  Rio, trens, dias fáceis, problemas, trem, quebra-quebra, depredação
Rio  trens  dias fáceis  problemas  trem  quebra-quebra  depredação 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS