R7 - Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

27 de Novembro de 2014

Notícias

Rio das Ostras cresceu quase 190% em dez anos, diz Censo

Município é o segundo em que população mais aumentou desde 2000

Carolina Farias, do R7 | 29/11/2010 às 19h02
Publicidade

Rio das Ostras, no norte do Estado do Rio, é o segundo município que mais cresceu no Brasil desde 2000, como mostra o Censo 2010, divulgado nesta segunda-feira (29) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Há dez anos a cidade tinha 36.4 19 habitantes, número que saltou para 105.757 – 190,4% de crescimento.

Para o presidente do IBGE, Eduardo Pereira Nunes, a população de Rio das Ostras mais que dobrou porque o município investiu em infraestrutura como saneamento, iluminação e calçamento das ruas.

- Ao analisar as características de população e domicílios dos resultados do Censo 2000, foi mostrado que naquela época era um município de porte médio, mas sem infraestrutura urbana para atender aquela população.Hoje é um dos municípios que mais cresceu. Está entre os dez dos que quase triplicou em uma década. Hoje tem infraestrutura compatível para os seus 105 mil habitantes. 

Outro aspectos ressaltados por Nunes que podem justificar o crescimento do município fluminense são a proximidade com Macaé, que abriga um polo petroquímico, e o fato de Rio das Ostras ser uma cidade litorânea.

- Em parte o crescimento também se deve pelos os royalties, por ser litorâneo e vizinho a Macaé, onde acaba colhendo frutos do polo petrolífero, já que as pessoas trabalham em Macaé e moram em Rio das Ostras. A expansão imobiliária e urbanística é um fato concreto. A população cresce e infraestrutura também.


Veja Relacionados:  censo, rio das ostras
censo  rio das ostras 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS