R7 - Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

20 de Outubro de 2014

Notícias

Terrorista espanhol preso era professor de curso na zona sul; ele ficará detido em Bangu

Joseba Gonzalez foi flagrado com documentos falsos

Do R7 | 18/01/2013 às 17h26

Publicidade

O espanhol Joseba Gotzon Gonzalez, acusado de fazer parte do grupo separatista basco ETA, era professor de um curso de línguas na zona sul do Rio de Janeiro. A informação foi confirmada na tarde desta sexta-feira (18) pela Polícia Federal. Gonzalez foi preso pela manhã, na Glória, também zona sul utilizando documentos falsos. Ele é casado e tem um filho.

De acordo com a PF, o terrorista estava foragido desde 1988, quando teve a ordem de prisão emitida pela Audiência Nacional, tribunal espanhol encarregado de assuntos de terrorismo. Gonzalez chegou ao Brasil em 1996.

O espanhol foi levado ao complexo penitenciário de Bangu, na zona oeste. ele responderá por falsificação de documentos. Até a publicação desta reportagem, o governo espanhol não havia se pronunciado sobre um possível pedido de extradição do criminoso.

Em outubro de 2011, o ETA anunciou que abandonou definitivamente a luta armada, decisão que foi comemorada por autoridades espanholas.

Durante mais de 50 anos, o grupo lutou por um País Basco independente, região que compreende o norte da Espanha e o extremo sudoeste da França.

Estima-se que as atividades terroristas do grupo tenham matado mais de 850 pessoas. Assista ao vídeo:


 
Veja Relacionados:  terrorista, espanhol
terrorista  espanhol 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS