R7 - Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

1 de Novembro de 2014

Notícias

Traficante da Vila Aliança tentou despistar
polícia caminhando no calçadão de Bangu

Ele foi reconhecido porque usava camiseta da seleção argentina

Marcelo Bastos, do R7 | 04/11/2011 às 13h46
Publicidade

Um dos suspeitos de tráfico presos pela polícia durante uma operação na favela Vila Aliança, na zona oeste do Rio, na manhã desta sexta-feira (4) tentou despistar a polícia caminhando pelo calçadão de Bangu com a mulher grávida.

Entretanto, ele foi identificado por usar uma camiseta da seleção argentina de futebol. Ao ser abordado pelos policiais, demonstrou nervosismo e foi preso. Segundo a polícia, ele seria responsável pela venda de maconha na comunidade.

Veja imagens da operação

Na fuga, criminosos usaram como rota de fuga a Escola Estadual Professor Daltro Santos, que fica no acesso à comunidade, provocando pânico entre alunos, professores e estudantes.

Um deles permaneceu dentro da escola e tentou se disfarçar de funcionário. Ele chegou a se esconder no banheiro, mas acabou preso por policiais militares que cercavam o colégio. As aulas foram suspensas temporariamente. Ninguém ficou ferido, nem houve danos ou furto de equipamentos. A escola foi esvaziada e alunos foram liberados. 

A operação na Vila Aliança terminou com dois presos, dois fuzis e mil projéteis apreendidos. Um homem foi morto. Segundo a polícia, ele seria braço-direito do traficante conhecido como Matemático, um dos mais procurados do Rio e apontado pela polícia como responsável pela disputa de território na Vila Kennedy.

O Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais) foi acionado e mobilizou um blindado. Segundo moradores, os criminosos colocaram fogo em um carro na favela. 

A ação do 14º BPM também foi realizada nesta manhã na favela da Coreia, em Senador Camará. Após um intenso tiroteio, um homem foi baleado e morreu. Segundo a polícia, ele seria braço-direito do traficante conhecido como Matemático, um dos mais procurados do Rio e apontado pela polícia como responsável pela disputa de território na Vila Kennedy.

Após a invasão à escola, o secretário estadual de Segurança Pública do Rio de Janeiro, José Mariano Beltrame, informou que o Complexo de Senador Camará, em Bangu, vai ser pacificado. No entanto, ele não informou a data que a comunidade vai receber uma UPP (Unidade de Polícia Pacificadora). 

PM faz operação em quatro comunidades do Rio

A Polícia Militar atuou na manhã desta sexta-feira em quatro comunidades do Estado do Rio de Janeiro, sendo três operações na capital e uma na Baixada Fluminense. No balanço das ações até as 10h, três pessoas morreram, uma ficou ferida e um homem foi preso. Um dos mortos é um sargento do Exército que estava com um fuzil e é suspeito de envolvimento com o tráfico.


Veja Relacionados:  Traficante, polícia, calçadão, Bangu
Traficante  polícia  calçadão  Bangu 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS