R7 - Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

27 de Maio de 2016

Notícias

Em depoimento à Polícia Federal, traficante
Nem diz que não pretendia se entregar

Traficante planejava se esconder em favelas da capital paulista

Do R7 | 12/11/2011 às 21h05
Publicidade

Contrariando a versão dada pela Polícia Civil, o traficante Antônio Bomfin Lopez, o Nem, afirmou em depoimento à Polícia Federal que não pretendia se entregar, quando foi preso na zona sul do Rio, momentos após deixar a favela da Rocinha. A comunidade está cercada desde quinta-feira (9) para a implantação da 19ª UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) do Rio.

Veja as fotos da prisão do traficante

A ação que culminou na prisão do bandido foi marcada por uma briga entre policiais civis e militares. Os PMs que abordaram o Toyota Corolla em que o chefe do tráfico da Rocinha estava dizem que um dos homens que acompanhava o bandido chamou o delegado da Polícia Civil, Roberto Gomes, que atua em Maricá, na região metropolitana, por telefone. A ligação aconteceu antes de o traficante ser descoberto no porta-malas do carro.

No entanto, os policiais militares também já haviam acionado agentes federais. No tumulto, os PMs chegaram a rasgar o pneu do carro com uma faca e os policiais civis fecharam a rua com uma viatura, a fim de impedir que o veículo em que Nem estava fosse retirado do local. O traficante só foi preso com a chegada dos agentes federais.

Após a prisão, o subchefe de Polícia Civil, Fernando Velloso, afirmou que o delegado foi ao local, com o conhecimento dele, porque estava negociando a rendição do traficante de forma a garantir a sua integridade física. Em troca, Nem liberaria uma lista de nomes de policiais corruptos, a quem o traficante fazia pagamentos em troca de liberdade para vender drogas sem ser incomodado.

No entanto, durante seu depoimento na Polícia Federal, Nem afirmou que não pretendia se entregar e revelou que usaria os cerca de R$ 200 mil que foram apreendidos com ele para se manter fora do Rio.

Para investigadores da Polícia Federal, o traficante planejava se esconder em favelas comandadas por uma facção criminosa da capital paulista. A Secretaria de Seguranca Pública do Rio invesgita a conduta do delegado e de dois inspetores da Polícia Civil que estavam com ele.

Assista ao vídeo:

 


Veja Relacionados:  Nem, nega, negociação,policiais, civis, para, render
Nem  nega  negociação  policiais  civis  para  render 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS