Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

30/1/2014 às 19h53 (Atualizado em 30/1/2014 às 19h59)

Queda de passarela: funcionários de empresa dona de caminhão são ouvidos e 5ª vítima é enterrada

Delegado quer descobrir se houve falha mecânica ou humana

Do R7

Queda de passarela deixou cinco mortos Paulo Campos/Futura Press

Quatro funcionários da empresa Arco da Aliança, responsável pelo caminhão que bateu e derrubou a passarela na linha Amarela, na zona norte do Rio, foram ouvidos na delegacia de Inhaúma (44ªDP) nesta quinta-feira (30). O objetivo da polícia é descobrir se houve falha mecânica ou humana na suspensão da caçamba. Na quarta-feira, o delegado Fábio Asty, ouviu o motorista do caminhão, Luiz Fernando Costa, que admitiu que estava falando ao celular no momento em que bateu com o veículo na passarela.

O caminhão tinha quebrado na semana passada e foi para a oficina. O problema teria sido na caixa de câmbio. Na segunda-feira (27), após o conserto, um motorista da Arco da Aliança circulou com o caminhão pela cidade. Ele foi um dos que prestaram depoimentos nesta tarde.

O delegado Fábio Asty também ouviu o chefe da oficina da empresa e o gerente operacional. O quarto funcionário da Nova Aliança a prestar depoimento foi o motorista com quem Luiz Fernando Costa conversava ao telefone no momento da batida.

Um laudo pericial deverá ficar pronto em dez dias apontando se a caçamba se levantou sem o acionamento do motorista. Câmeras de monitoramento da linha Amarela mostraram que o caminhão entrou na via com a caçamba abaixada e, pouco tempo depois, o compartimento começou a se erguer. A batida na passarela aconteceu na altura de Del Castilho, na zona norte do Rio. Segundo a polícia, Asty continua analisando as imagens da Lamsa.

Cinco pessoas morreram e quatro ficaram feridas, incluindo o motorista do caminhão, Luiz Fernando. A quinta vítima foi enterrada no fim da tarde no cemitério Parque da Colina, em Niterói, região metropolitana. Luiz Carlos Guimarães, de 60 anos, estava internado no hospital Salgado Filho e morreu na manhã de quarta-feira.

O depoimento de Luiz Fernando foi colhido pelo delegado Fábio Asty em um hospital particular em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, onde o condutor está internado, sem previsão de alta. Luiz Fernando alegou que não olhou para os espelhos retrovisores laterais depois que entrou na linha Amarela, logo, não viu que a caçamba estava suspensa. Ele poderá responder por cinco homicídios culposos e três lesões corporais culposas, com pena de até seis anos.

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade
Compartilhe
Fetiche por farda

Com fixação por policiais, “Maria UPP” posa com armas de PMs e fotos vazam

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Superação

Com 2 empregos e casado, “Mendigo Gato” espera primeiro filho no RJ

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Babou?

Anitta aparece morena e com nariz recauchutado no Rio Verão Festival

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
O verão foi quente!

Veja mais de 100 musas das praias do Rio

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Flagrante

Ladrão tenta roubar cordão, mas apanha e é debochado por vítima no Arpoador

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Rio das Pedras

Homem mata mulher a facadas após desconfiar que ela lhe transmitiu Aids

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Mostra no MAM

Exposição no Rio impressiona com bonecos gigantes hiper-realistas

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
  • Últimas de Rio de Janeiro

  • Últimas de Notícias

Mais Clicadas

Compartilhe
Acrílico no bumbum

Após 6 meses internada, mulher que fez mais de 60 cirurgias volta para casa

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Bela capturada

Loira de 18 anos é presa suspeita de recrutar jovens para transportar drogas

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
O preço do luxo!

No bairro mais caro do Brasil, imóvel de frente para praia custa R$ 35 milhões

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!