São Paulo

7/1/2014 às 11h48 (Atualizado em 7/1/2014 às 11h53)

Adolescentes atropelados em Ferraz de Vasconcelos continuam internados

Mulher que dirigia o carro no momento do acidente continua foragida

Do R7

Criança ficou prensada em portão após atropelamento em calçada Reprodução/Rede Record

A Secretaria Estadual de Saúde informou que dois dos quatro adolescentes que foram atropelados em Ferraz de Vasconcelos no dia 1º de janeiro permanecem internados. A dona de casa Nadja Dias Soares, de 38 anos, responsável pelo atropelamento, permanece foragida, segundo a Polícia Civil.  

Samira Cristina de Oliveira Silva, de 11 anos, que estava no Hospital Regional de Ferraz de Vasconcelos, foi transferida para a UTI pediátrica do Hospital Francisco Morato. Já a adolescente Vitória Carolina Ferreira de Jesus, de 15 anos, continua no Hospital Santa Marcelina de Itaquaquecetuba. A paciente segue estável, consciente e respira normalmente, mas não há previsão de alta.  

O caso

Três crianças e uma adolescente foram atropeladas na calçada da rua Aureliano Alves Genoíno, em Ferraz de Vasconcelos, na região metropolitana de São Paulo.  Duas crianças, de oito e dez anos, tiveram apenas escoriações leves e já receberam alta.   

Leia mais notícias de São Paulo

A Polícia Civil ainda procura por Nadja. A motorista, que admitiu estar embriagada, pagou uma primeira fiança e foi solta. Contudo, a Justiça aumentou o valor da fiança para R$ 30 mil e decretou a prisão preventiva no último no sábado (4). A dona de casa é considerada foragida.

 

 

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade
Compartilhe
X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!