Faixa de trânsito pintada em zigue-zague preocupa motoristas na zona norte de São Paulo

Taxistas relatam aumento do número de acidentes na avenida Dr. Franciso Ranieri

Uma sinalização de trânsito pouco comum tem intrigado motoristas e pedestres que transitam pela avenida Dr. Franciso Ranieri, no bairro Lauzane Paulista, zona norte de São Paulo. A faixa central da via foi pintada em zigue-zague nas proximidades com a avenida dos Direitos Humanos, o que complicou a circulação de veículos no local.

O taxista José Carvalho Ribeiro, de 57 anos, conta que a faixa foi implantada recentemente, após a realização de uma obra na avenida. Segundo ele, desde então, é muito comum ver cacos de vidro no chão da via, resultado de pequenos acidentes.

— Gostaria de colocar a pessoa que fez aquilo no meu carro e mostrar como aumentou o risco de acidentes. É muito sinistro. O motorista que passa por ali sem saber, percebe a faixa quando já está em cima e é obrigado a jogar o carro em quem está seguindo em frente.  

A dificuldade fica ainda maior aos fins de semana, quando é permitido estacionar nas laterais da via, que é estreita e faz parte do trajeto dos ônibus que circulam pela região. A dona de casa Shirley Romano, de 69 anos, moradora do bairro, diz que está preocupada com a mudança.

— Pego táxi quando venho do supermercado e todos os motoristas que passam por ali fazem a mesma reclamação. Se a pessoa não estiver muito atenta pode acabar entrando em um desses ônibus. Eu, como cidadã, quero saber o que significa um raio no meio da rua.

Leia mais notícias de São Paulo

Procurada pelo R7, a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) afirmou, por meio de nota, que esse tipo de "sinalização é feita, geralmente, quando há necessidade de aumentar a área de espera e de passagem de veículos próximo aos semáforos e, com isso, garantir maior fluidez no trânsito" e que a medida está de acordo com as normas do Manual Brasileiro de Sinalização e demais legislações vigentes.

Ainda segundo a nota, a companhia está "elaborando projeto de readequação da proibição de estacionamento entre a avenida Direitos Humanos e a rua Dorival Dias Minhoto, visando melhorar as condições de circulação dos usuários no trecho citado".