• Twitter Created with Sketch.

Funcionários da prefeitura prestam depoimento sobre desabamento de casarão no centro de SP

Testemunhas do acidentes já prestaram depoimento e proprietário do local também será ouvido

Do R7

Uma pessoa morreu após desabamento de parte de um casarão histórico
Uma pessoa morreu após desabamento de parte de um casarão histórico ERNESTO RODRIGUES/ESTADÃO CONTEÚDO

O delegado José Sampaio Lopes Filho, que comanda a investigação sobre o desabamento de um casarão histórico no bairro da Liberdade, região central de São Paulo, deve ouvir nesta quarta-feira (6) funcionários da prefeitura. O acidente aconteceu na noite da última quinta-feira (28) e uma pessoa morreu. Os depoimentos estão previstos para começar às 11h. 

Na última terça-feira (5), outras testemunhas prestaram depoimentos. Deusa Machado dos Santos — mulher que ficou ferida dias antes do desabamento após ser atingida por um pedaço da fachada do prédio — e um tenende do Corpo de Bombeiros foram ouvidos.  

Leia mais notícias de São Paulo

Equipes da Defesa Civil e Prefeitura derrubaram no último sábado (2) o que restou do casarão antigo que veio abaixo. O imóvel que desabou estava fechado desde 2012 e passava por uma grande obra de ampliação. Inicialmente, o delegado informou que o proprietário e os engenheiros poderiam, no fim das investigações, ser indiciados por homicídio culposo — sem intenção de matar. No entanto, na última segunda-feira (4), o delegado declarou que pode indiciar os responsáveis pela obra por homicídio doloso — com intenção de matar.

Na próxima sexta-feira (8), está previsto o depoimento do proprietário da obra. 

 

  • Espalhe por aí:

Twitter

X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!
Access log
Access log