R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

24 de Abril de 2014

Você está aqui: Página Inicial/Notícias/São Paulo/Notícias

Icone de São Paulo São Paulo

publicado em 23/09/2011 às 10h21:

Casos de agressão a professores crescem 40%

Para presidente de sindicato, violência se generalizou e não há um perfil do aluno agressor

Agência Estado

Publicidade

Os casos de agressão a professores nas escolas públicas paulistas têm crescido entre 30% e 40% por semestre nos últimos três anos, segundo o Observatório da Violência do Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo). Só de janeiro a julho deste ano foram mais de 300 casos de agressão física ou verbal a docentes durante as aulas.

Leia mais notícias no R7

Segundo a presidente do sindicato, Maria Izabel Azevedo Noronha, a violência nas escolas se generalizou e já não há um perfil do aluno agressor.

- Semana passada, um menino de 6 anos bateu em um professor de uma escola em Diadema. O acúmulo de funções faz o docente estar mais exposto a conflitos.

A presidente afirmou ainda que 70% dos professores que sofrem de estresse foram vítimas de algum tipo de agressão por parte dos alunos. Segundo ela, muitos chegam a pedir transferência por se sentirem desmoralizados nas escolas e nem todos registram ocorrência por medo de perseguições.

Baleada no ABC

Na tarde desta quinta-feira (22), um aluno de 10 anos, da 4º série da Escola Municipal Alcina Dantas Feijão, em São Caetano do Sul, no ABC paulista, atirou na professora Rosileide Queiros de Oliveira dentro da sala de aula e depois se matou. Ela passou por uma cirurgia na madrugada desta sexta-feira (23) para retirar o projétil que estava na região abdominal e passa bem.

Segundo capitão da PM Robson Castropil, por volta das 15h50, o menino pediu para ir ao banheiro. Quando ele retornou, já estava com a arma em punhos e disparou contra a professora. Logo depois, ele deixou a sala e, na escada, atirou contra a própria cabeça. O menino chegou a ser socorrido e levado para o hospital Albert Sabin, mas não resistiu.

O enterro do garoto será às 16h desta sexta no Cemitério das Lágrimas, em São Caetano do Sul.


Veja Relacionados:  agressão, professores, apeoesp
agressão  professores  apeoesp 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping
Blu-Ray Player Blu-Ray Pl Saraiva R$ 449,00
Blu-Ray Player Blu-Ray Pl Saraiva R$ 299,00
Monitor Monitor Wal-Mart R$ 348,00
Fogão Fogão Mania Vi R$ 580,41