R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

1 de Outubro de 2014

Você está aqui: Página Inicial/Notícias/São Paulo/Notícias

Icone de São Paulo São Paulo

publicado em 13/03/2012 às 17h55: atualizado em: 13/03/2012 às 08h45

Polícia pede imagens de câmeras do Itaú
para identificar suspeitos de explosão

Quadrilha estourou, na madrugada terça-feira, pelo menos três caixas eletrônicos

Agência Estadocom Agência Record

Publicidade

A polícia solicitou ao Banco Itaú, nesta terça-feira (13), as imagens gravadas pelo circuito interno de câmeras da agência onde ao menos três caixas eletrônicos foram explodidos por uma quadrilha de assaltantes, nesta madrugada. A gravação pode ajudar a equipe de investigadores a identificar os suspeitos envolvidos no ataque. Ainda não há notícias sobre o paradeiro da quadrilha. 

O Banco Itau, afirmou em nota divulgada pela assessoria de imprensa, que "apoiará as investigações, prestando todas as informações necessárias às autoridades responsáveis". A empresa não especificou, no entanto, se irá divulgar as imagens das câmeras de segurança. 

Leia mais notícias no R7

Ainda de acordo com o comunicado, "a agência da rua Domingos Rosolia reabrirá assim que tiver conforto e segurança para atender clientes e colaboradores".  

Só neste ano, foram registrados 39 ataques no Estado de São Paulo, segundo levantamento da Agência Record.  Desse total, 28 foram na região metropolitana da capital.  

Entenda o caso

O ataque aos caixas acontecendo na agência do Itau, na altura do nº 130 da rua Domingos Rosólia, no Jardim São Jorge, região da rodovia Raposo Tavares. De acordo com a Polícia Militar, cerca de 15 homens armados com fuzis participaram do ataque.

Após explodirem os caixas, a quadrilha bloqueou a rua com um ônibus da Transppass, que fazia a linha 7903 (praça Ramos - João 23). O veículo fazia o último horário noturno e havia deixado o bairro às 2h40 em direção ao centro da capital.

O motorista, o cobrador e dois passageiros foram obrigados a descer do coletivo, que ficou atravessado na rua para impedir a aproximação de policiais militares da 4ª Companhia do 16º Batalhão. Nenhum dos quatro ocupantes ficou ferido, segundo os funcionários da empresa.

Grupo explode caixas eletrônicos em empresa em SP

Algumas viaturas conseguiram se aproximar da quadrilha e pediram apoio da Rota (Rondas Ostensivas Tobias Aguiar) e ao helicóptero Águia. Pelo menos duas viaturas foram atingidas por tiros, uma delas no radiador.

Não se sabe ainda se os danos em pelo menos três caixas foi causado pela grande quantidade de explosivos fixada em apenas uma das máquinas ou se o material foi inserido em vários equipamentos. O caso foi registrado no 89º Distrito Policial, do Portal do Morumbi.

Por causa do roubo, sete linhas de ônibus que passam pela rua Domingos Rosólia tiveram de ser desviadas até o fim da perícia. O trânsito na via foi liberado por volta das 7h40.

Assista ao vídeo:

 

 

onibus-assalto-g

Motorista, cobrador e passageiros foram obrigados a descer do ônibus (Foto: Nelson Antoine/FotoArena/AE)

Notas Manchadas

- Como devo agir ao sacar do caixa eletrônico uma nota manchada pelo mecanismo da máquina?
O Banco Central explica que o cidadão deve registrar um B.O. (Boletim de Ocorrência) em uma delegacia, tirar um extrato da conta bancária e levar a documentação a agência bancária.

- O banco irá ressarcir o valor da nota manchada?
Caso seja comprovado que a mancha foi acidental, a pessoa prejudicada poderá ser ressarcida do valor da nota.

- Manchei uma nota acidentalmente. O que devo fazer?
Se ficar provado que o dano não foi causado por esses dispositivos, o banco deverá trocar a nota.

- Como devo agir ao receber uma nota manchada?
O Banco Central recomenda a população que não receba notas suspeitas de terem sido manchadas por dispositivo antifurto. Se a mancha tiver sido produto de uma ação criminosa, a nota não será ressarcida.

- O que devo fazer se já tenho notas manchadas em casa?
O banco orienta a população que possuir algumas dessas cédulas a encaminhá-las a uma agência bancária, que se encarregará de remetê-las ao Banco Central, onde serão mantidas sob custódia, para análise. Se for comprovado que o dano foi provocado por algum dispositivo antifurto, a instituição financeira deverá comunicar ao portador que a cédula foi fruto de ação criminosa e se encontra à disposição das autoridades competentes para investigação criminal.

Veja Relacionados:  bando, explode, caixa
bando  explode  caixa 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping