R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

23 de Novembro de 2014

Você está aqui: Página Inicial/Notícias/São Paulo/Notícias

Icone de São Paulo São Paulo

publicado em 14/08/2012 às 17h05:

Trio confessou que matou menina em Praia Grande, diz testemunha

Polícia segue na busca da amante da mãe e do pai da menina que estão foragidos

Do R7

Publicidade

Uma testemunha procurou a Polícia Civil de Praia Grande para contar que a menina de 13 anos, Ana Beatriz de Souza, foi morta por sua mãe, Ana Luiza Ferreira, com ajuda da amante e do pai da menina. 

De acordo com o delegado responsável pelo caso Luiz Evandro Medeiros, o homem que seria “profissional de autoajuda” contou à polícia que foi procurado pelos três para uma sessão de análise e, durante a consulta, teriam confessado o crime. 

Apesar de o trio ter confessado, o delegado disse que os três não deram detalhes do crime.
 
A mãe de Ana Beatriz foi detida na Praia Grande, litoral paulista, logo após o crime. De acordo com o delegado, ela contou que resolveu matar a garota porque ela perdeu uma mochila com drogas que seriam distribuídas entre pontos de tráfico na periferia da Praia Grande. De acordo com a polícia, mãe e filha trabalhavam no transporte de entorpecentes para traficantes da região.

Leia mais notícias de São Paulo

Já a amante e o pai da menina ainda seguem foragidos. De acordo com Medeiros, a mulher fugiu para a região de Guarulhos, Grande São Paulo, e o homem para Itanhaém, no litoral sul de São Paulo. 

O laudo da perícia técnica afirma que Ana Beatriz, além de fraturas no nariz e no maxilar, também sofreu asfixia. O delegado disse que, pela reconstituição do crime, ficou claro que ninguém tentou socorrer a garota. Apesar de a mãe afirmar que foi a amante quem deu os socos que mataram a menina, ele acredita que ela tenha segurado a adolescente para a outra bater na vítima. A menina usava o uniforme da escola. 

Com a morte da garota, as mulheres entraram em contato com Carlos José Souza para que ele ajudasse a ocultar o corpo. Souza, mais conhecido como "Azeitona", já foi preso por tráfico de drogas e cumpriu pena, segundo a Polícia Civil. O ex-marido usou o carro da mãe da jovem para levar o corpo até a Anchieta. Indícios de sangue foram encontrados por peritos no porta-malas do veículo, um Ford Fiesta.

O corpo da menina foi achado no último dia 15, na altura do km 42 da rodovia Anchieta, na região de Riacho Grande, em São Bernardo do Campo. 

Relembre o caso:

 

Veja Relacionados:  polícia, prende, menina, praia grande
polícia  prende  menina  praia grande 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping