Prefeitura reativa "Fonte dos Desejos" da Praça Ramos

Custo de projeto, no entanto, não foi revelado

Fonte está instalada na Praça Ramos estava vandalizada
Fonte está instalada na Praça Ramos estava vandalizada Arquivo/Alf Ribeiro/Folhapress

A Prefeitura de São Paulo está reativando a "fonte dos desejos" situada na Praça Ramos de Azevedo, no centro da cidade. De acordo com a Prefeitura Regional da Sé, obras foram realizadas para restabelecer o fornecimento de água e energia elétrica para o monumento. O primeiro teste dos equipamentos ocorreram na noite deste sábado (17).

A administração informou que a PlayCorp, empresa de eventos, participa dos trabalhos para a recuperação da estrutura, mas não esclareceu qual é o custo envolvido na obra. A iluminação foi instalada e, na noite do sábado, ocorriam os testes com o sistema hidráulico.

A "Fonte dos Desejos — Glória" faz parte do conjunto escultórico realizado pelo arquiteto italiano Luiz Brizzolara em 1922 e foi inspirada na fonte dos desejos de Roma. A fonte integra o Monumento a Carlos Gomes, formado por um conjunto de 12 esculturas, representando a música, a poesia e personagens das óperas mais famosas do músico.