Small-house Faça do R7.com sua página inicial

SIM NÃO

São Paulo

23/1/2013 às 07h59 (Atualizado em 23/1/2013 às 10h34)

Professora é mantida refém e morta a facadas pelo ex-marido na zona leste de São Paulo

PM foi chamada, mas homem ficou mais de seis horas na casa antes de se entregar

Do R7, com Agência Record e Agência Estado

Hélio Torchi/Estadão Conteúdo

Uma professora foi mantida refém e morta pelo ex-marido, na madrugada desta quarta-feira (23), em Guaianases,  zona leste de São Paulo.

Na noite desta terça-feira (22), os vizinhos ouviram a discussão entre os dois e chamaram a polícia. Quando os policiais militares chegaram, o homem não queria sair. O Gate (Grupo de Ações Táticas Especiais) da Polícia Militar foi acionado e após cinco horas de negociação, invadiu casa.

A vítima foi encontrada morta a facadas dentro da residência. Ainda não se sabe se ela morreu no momento da invasão ou se já havia sido assassinada pelo ex-marido durante as negociações.

Leia mais notícias de São Paulo

O homem foi preso e o caso encaminhado par ao 53º Distrito Policial, do Parque do Carmo.

Assista ao vídeo:

 

 

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade
Compartilhe
Compartilhe
Zona leste

Pai mata mulher, filha de quatro anos e tenta assassinar bebê dentro de casa

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Filmado

Manicure é torturada e enterrada viva por suspeita de furto na Grande SP

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Na frente do filho

Inconformado com fim de namoro, jovem estupra e raspa cabelo de ex em SP

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Você moraria nestes lugares?

Veja como estão imóveis que foram cenários de tragédias em São Paulo

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
  • Últimas de São Paulo

  • Últimas de Notícias

X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!