R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

27 de Maio de 2016

Você está aqui: Página Inicial/Notícias/Saúde/Notícias

Icone de Saúde Saúde

publicado em 21/02/2011 às 11h51:

Em São Paulo, pessoas expostas ao HIV
podem fazer tratamento para barrar infecção

Terapia deve ser realizada até 72 horas após a situação de risco

Do R7

Publicidade

Quando uma pessoa se expõe ao HIV, uma terapia feita até 72 horas após a exposição pode impedir a infecção pelo o vírus causador da Aids. Para barrar a transmissão da doença, o governo de São Paulo acaba de criar uma rede de serviços, que vai atender vítimas de violência sexual e acidente profissional, além de situações de rompimento de preservativo entre parceiros sorodiscordantes (quando um deles é sabidamente portador do HIV).

A terapia, chamada de quimioprofilaxia, é uma medida eficaz para prevenção da infecção pelo vírus HIV. O procedimento deve ser realizado no máximo até 72 horas após a exposição. São utilizadas três drogas antirretrovirais e o tratamento tem duração de um mês.

Para Maria Clara Gianna, coordenadora do Programa Estadual DST/Aids-SP, nas situações de exposição sexual em que a sorologia do parceiro é desconhecida, a quimioprofilaxia deve ser muito bem avaliada, medindo-se riscos e benefícios de sua indicação, conforme o tipo de exposição e risco potencial da contaminação.

- É importante salientar que a quimioprofilaxia não deve ser adotada indiscriminadamente e a melhor forma de prevenção é a prática do sexo seguro, ou seja, com preservativo.

O Centro de Testagem e Aconselhamento do Centro de Referência e Treinamento DST/Aids-SP atende em média, por mês, 15 situações de acidente entre parceiros sorodiscordantes e oito situações de exposição heterossexual sem sorologia conhecida, além de quatro casos de violência sexual por ano.

No que se refere a acidente profissional, entre 2007 e 2009, foram notificados 22.872 casos. Não foi notificada nenhuma soroconversão entre esses casos.

Inicialmente a rede irá contar com 172 serviços de quimioprofilaxia para HIV. Ao longo de 2011, o total deverá chegar a 400. A lista de serviços disponíveis pode ser conferida no site www.crt.saude.sp.gov.br/content/githejeket.mmp.


 
Veja Relacionados:  HIV, Aids
HIV  Aids 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping