Saúde

13/2/2013 às 10h38 (Atualizado em 13/2/2013 às 11h11)

Novo vírus fatal de gripe pode ser transmitido por contato humano, diz Grã-Bretanha

Para OMS, é prematuro considerar vírus semelhante ao da Sars a próxima crise de saúde global

BBC Brasil

Pneumonia atípica é causada por cepa da família coronavírus Reuters

As autoridades sanitárias do Reino Unido disseram nesta quarta-feira (13) ter evidências de que uma doença respiratória aguda parecida com a Sars — que foi objeto de um alerta da OMS (Organização Mundial da Saúde) em 2003 — seja capaz de se alastrar por contato humano.

A doença é transmitida através do contato com animais, mas, se houver possibilidade de transmissão através do contato humano, o risco para a população é maior, explicaram as autoridades.

No mais recente caso, o terceiro no país, uma pessoa que está internada na UTI de um hospital de Birmingham pode ter contraído a doença de um parente próximo, acreditam os médicos. Entretanto, o risco para a população britânica continua sendo considerado baixo.

A mais recente pneumonia atípica é causada por um vírus da família coronavírus. No mundo, foram diagnosticados 11 casos da doença desde os primeiros diagnósticos, no fim do ano passado. Cinco pacientes morreram.

Na Grã-Bretanha, onde três casos foram registrados, duas pessoas que contraíram o vírus haviam viajado do Oriente Médio para a Europa, explicou o chefe do departamento de doenças respiratórios da agência sanitária britânica, John Watson.

— A confirmação de uma nova infecção pelo coronavírus em uma pessoa sem histórico de viagem para o Oriente Médio sugere que ocorreram transmissões pelo contato pessoal.

Ele acrescentou que este tipo de transmissão também se deu na Grã-Bretanha.

Os médicos possuem evidências de que já houve contaminação pelo contato humano no Oriente Médio, mas essa informação não havia sido confirmada. 

— Embora esse caso nos dê forte evidências de transmissão por contato pessoal, o risco de infecção na maior parte das circunstâncias ainda é considerado muito baixo.

Leia mais notícias de Saúde no R7

Segundo os médicos, o terceiro paciente a contrair a doença no país possui problemas de saúde que podem ter aumentado a sua vulnerabilidade.

Logo após os primeiros diagnósticos da nova gripe, a OMS ressaltou, através de seu Twitter e sua página na internet, que o vírus é semelhante mas não igual ao da Sars, e considerou 'prematura' a sugestão de que a doença seja 'a próxima crise de saúde global'.

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade
Compartilhe

Guia Mais - Saúde

Farmácia/Drogaria
Hospitais
Consultórios
X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!