Saúde

25/2/2013 às 16h06

UFU é acionada por problemas em hospitais

Agência Estado

A Universidade Federal de Uberlândia (UFU) está sendo acionada pelo Ministério Público Federal por dano moral coletivo. Estariam sendo prejudicados os pacientes atendidos no Hospital das Clínicas e no Hospital Odontológico, ambos mantidos pela instituição. Em vistoria nesses locais, a Vigilância Sanitária detectou uma série de irregularidades que vão desde remédios vencidos até a falta de tampas nos vasos sanitários e sabão líquido nos banheiros.

De acordo com a procuradoria, a ação surgiu após a universidade ser notificada seguidas vezes sem tomar qualquer providência. Na ação é citado que os hospitais estariam praticando o crime de violação de direitos, sendo pedida a interdição de ambos. A fiscalização da Vigilância Sanitária teve início ainda no ano de 2010 e agora é proposto o fechamento até que sejam cumpridas todas as exigências listadas pelo MPF, que somam mais de cem itens diferentes.

Agentes das vigilâncias municipal e estadual voltaram aos hospitais no ano passado. No HC foram localizados remédios vencidos em vários setores, além de problemas de higienização de instrumentos e falta de produtos básicos e essenciais à higiene para evitar a contaminação de doenças, como sabão líquido e toalhas de papel nos banheiros. Também foram listadas irregularidades com relação ao prédio, que apresentava canos deteriorados e vazando água, rachaduras nas paredes e outras situações capazes de comprometerem a segurança e a saúde dos pacientes.

Os banheiros no Hospital Odontológico não tinham tampas nem material básico de higiene, produtos de esterilização tinham data vencida e havia também medicamentos com data de vencimento já ultrapassada. Para o Ministério Público Federal de Minas Gerais são situações que podem prejudicar não apenas os pacientes, como também seus acompanhantes e até mesmo os funcionários do hospital. De acordo com o procurador Cléber Eustáquio Neves, as irregularidades apontadas pela Vigilância Sanitária violam os padrões mínimos aceitáveis para uma instituição de saúde.

Notificação

A Universidade Federal de Uberlândia já havia sido notificada anteriormente pela Vigilância. Por isso, O MPF pede que agora ela seja condenada ao pagamento de uma multa diária no valor de R$ 5 mil em caso de descumprimento da decisão. No relatório dos fiscais sanitários consta que a falta de conformidade com as exigências precisa ser corrigida para garantir a qualidade da assistência. O documento é amplo e no caso do HC cita também a ausência de sinalização luminosa nas salas de radiodiagnóstico, higienização deficiente no setor de patologia, ralos sem tampa facilitando a entrada de insetos e gerenciamento inadequado dos resíduos.

Em nota, a direção dos hospitais informaram que "ainda não foram notificados sobre a Ação Civil Pública nº 1.22.003-00000412011-14 ingressada pelo Ministério Público". Por isso, não iriam se manifestar.

Rene Moreira

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade
Compartilhe
Sonho

Com câncer terminal, pai pede para filha se “casar” aos 11 anos de idade

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Doença estranha

Com condição rara, jovem, de 24 anos, tem 50 orgasmos por dia

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Gravidez de anãs

Mulher do apresentador Marquinhos espera o 1º filho do casal. Veja como é!

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
  • Últimas de Saúde

  • Últimas de Notícias

Compartilhe
Tragédia

Jovem entra em coma e fica paralítica após colocar silicone nos seios

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Prematuro

Emocionante: Pai de bebê de 680 g registra luta do filho pela vida

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus

Guia Mais - Saúde

Farmácia/Drogaria
Hospitais
Consultórios
X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!