R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

27 de Maio de 2016

Você está aqui: Página Inicial/Notícias/Tecnologia e Ciência/Notícias

Icone de Tecnologia e Ciência Tecnologia e Ciência

publicado em 24/11/2009 às 07h45:

75% das crianças visitam redes sociais escondidas dos pais

Pesquisa revela que os pais acham que basta proibir para que os filhos não entrem nelas

Do R7

A psicóloga e apresentadora da TV inglesa Tanya Byron revelou nesta segunda-feira (23) que os pais não têm ideia de quanto tempo seus filhos passam na frentes de redes sociais como o Facebook e o Bebo. 

Ela disse que a pesquisa mostrou que a grande maioria dos pais (90%) acreditavam que tinham proibido os filhos de acessar os sites. Mas de acordo com o estudo – realizado pelo site de aconselhamento de pais Netmums – uma proporção parecida de pais admitiu que permitia aos filhos usar a internet em casa sem supervisão. 

A professora Byron disse que “na Europa a maioria dos usuários jovens participa de redes sociais da Inglaterra, e que cerca de 75% deles usam esses sites”. 

Se 90% dos pais não deixam os filhos participar das redes sociais, como eles conseguem? Ela explica que “as crianças entram escondido”. 

Tanya disse que os maiores sites de relacionamento social admitiram que contam com um número significativo de crianças.

A professora, que foi encarregada pelo primeiro-ministro inglês Gordon Brown de investigar os efeitos negativos dos videogames e dos sites, disse que os pais precisam pensar mais sobre os perigos da internet. “As crianças valorizam muito as redes sociais, principalmente porque muitas delas são criadas em casa e passam toda a infância no quarto delas". 

“Mas elas estão participando dessas redes sociais e intimidando uns aos outros pela internet porque ninguém explicou para elas quais as diferenças entre se comunicar no mundo online e no mundo real”, explicou Tanya. 

Outro estudo publicado nesta segunda-feira revelou que 62% das crianças admitem mentir para os pais sobre seu comportamento online. E elas não estão preocupadas em ser descobertas: 44% contaram vitória, dizendo que são capazes de esconder qualquer atividade na internet dos pais, de acordo com uma pesquisa do provedor de banda larga Talk Talk com 1.000 crianças entre cinco e 16 anos.

Veja Relacionados:  redes sociais, Facebook, pesquisa,
redes sociais  Facebook  pesquisa 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping