R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

27 de Maio de 2016

Você está aqui: Página Inicial/Notícias/Tecnologia e Ciência/Notícias

Icone de Tecnologia e Ciência Tecnologia e Ciência

publicado em 01/07/2010 às 20h17:

Abelhas ajudam a monitorar qualidade
do ar de aeroportos alemães

Mel delas é testado para verificar existência de metais pesadose de hidrocarbonetos

Do R7

A qualidade do ar em volta de aeroportos alemães está sendo monitorada com a ajuda de abelhas, cujo mel é testado regulamente para checar a existência de toxinas. 

O uso devesses insetos no monitoramento da situação ambiental em torno de aeroportos é recente, mas os insetos já foram usados com sucesso por algum tempo para acompanhar a qualidade da água em alguns lugares. 

O mel produzido nos aeroportos é testado em laboratório duas vezes por ano para verificar a existência de metais pesados e de hidrocarbonetos e é comparável ao produzido no campo.  

Volker Liebig, um químico da Orga Lab, empresa que testa as amostras, disse que apesar de ainda serem necessários mais dados por um período maior para que os resultados sejam conclusivos, os resultados preliminares pareceram promissores. 

Peter Nengelken, funcionário de relações com a comunidade do aeroporto internacional de Düsseldorf, disse que o primeiro lote de mel deste ano, colhido em junho de 200 mil abelhas do aeroporto, testado por sua equipe continha níveis de toxinas bem abaixo dos limites recomendados, semelhante ao produzido na zona rural. 

A poluição presente nos aeroportos é causada por vários fatores, como aviões, carros, ônibus e fábricas, que geralmente ficam na vizinhança. Em todo o mundo, as exigências rigorosas de monitoramento da Organização Mundial de Aviação Civil, um órgão da ONU, levou a uma redução significativa no nível de poluição dos principais aeroportos. 

 A redução da poluição foi alcançada graças ao desenvolvimento de motores de aviões e de veículos de apoio terrestre mais limpos, e a avanços nos procedimentos de operação dos equipamentos. Mesmo assim, algumas comunidades continuam preocupadas , principalmente com os níveis de chumbo e a presença de partículas ultra finas liberadas por aviões, carros e caminhões. 

Na Alemanha, funcionários de aeroportos veem as abelhas como um jeito simples para demonstrar ao público que os aeroportos estão muito mais limpos e seguros do que antes. 

Embora os efeitos das partículas ultra finas sobre a saúde sejam desconhecidos, algumas pesquisas sugerem que elas possam representar um risco porque são finas o suficiente para passar por meio das paredes das células e penetrar no cérebro e em outros órgãos.

Emissões de partículas ultra finas não são reguladas nos EUA, mas existem limites para as emissões de veículos na Europa.
 
As abelhas do aeroporto de Düsseldorf são mantidas por apicultores locais, e o mel é engarrafado e doado.


Veja Relacionados:  abelhas, aeroportos, qualidade ar, qualidade água
abelhas  aeroportos  qualidade ar  qualidade água 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping