"Cinco anos matando minha mãe", diz filha de corretora sobre padrasto

A corretora de imóveis Janaína Silva de Oliveira, 42 anos, foi morta a facadas dentro do apartamento onde morava, no bairro do Barbalho, em Salvador.

O companheiro dela, identificado como Aidilson Viana de Souza, 44 anos, é o principal suspeito e foi preso pela Polícia Civil nesta terca-feira (14).

O crime aconteceu na madrugada de sexta-feira (10), por volta de 1h. No entanto, o corpo de Janaína só foi encontrado pela filha dela, de 27 anos, no final da tarde.

Em entrevista à RecordTV Itapoan, Aidilson negou as acusações e disse ter agido em leítima defesa. Veja em trecho do Balanço Geral Bahia, com José Eduardo.