Brasil Após apoiar Pacheco, PT deve ficar com cargo na Mesa do Senado

Após apoiar Pacheco, PT deve ficar com cargo na Mesa do Senado

Pelo acordo costurado entre líderes de partidos, o senador Rogério Carvalho (PT-SE) deve assumir a Terceira Secretaria

Agência Estado

Waldemir Barreto/Agência Senado - 18.3.2019

Após apoiar Rodrigo Pacheco (DEM-MG) na eleição pela presidência do Senado, o PT deve ficar com um cargo na Mesa Diretora da Casa. Pelo acordo costurado entre líderes de partidos, o senador Rogério Carvalho (PT-SE) deve assumir a Terceira Secretaria.

A função em si é burocrática, como contar votos em eleições, mas coloca a sigla de oposição a Jair Bolsonaro no comando e com voz em decisões administrativas. Até o ano passado, a Terceira Secretaria era ocupada pelo senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), filho do presidente Jair Bolsonaro.

Em campos políticos opostos, o presidente e o PT se uniram para eleger Pacheco. A negociação que garantiu o posto à sigla foi encabeçada pelo ex-presidente da Casa Davi Alcolumbre (DEM-AP), padrinho de Pacheco.

A eleição que deve confirmar a formação da nova Mesa Diretora ocorre nesta terça-feira, 2. A única vaga em que deve haver disputa, no entanto, é a Primeira Vice-Presidência. MDB e PSD querem o posto.

Últimas