Brasil Após cirurgia, Maluf tem alta prevista para terça-feira (11)

Após cirurgia, Maluf tem alta prevista para terça-feira (11)

O ex-deputado federal Paulo Maluf, 87, passou por procedimento relacionado ao câncer de próstata que trata há 21 anos; ele cumpre prisão domicilar

  • Brasil | Deborah Giannini, do R7

Paulo Maluf foi diagnosticado com múltiplas metástases ósseas em abril

Paulo Maluf foi diagnosticado com múltiplas metástases ósseas em abril

Wagner Pires/Futura Press/Folhapress - 22.12.2017

O ex-deputado federal Paulo Maluf (PP), 87, passou por uma cirurgia na última terça-feira (4) e deve permanecer internado no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, até esta terça-feira (11), segundo a assessoria de imprensa do político.

Leia também: Relembre a prisão de Paulo Maluf

O procedimento foi agendado – e não de emergência – e estaria relacionado ao câncer de próstata que o ex-prefeito de São Paulo trata desde 1997. Ele já está no quarto e passa bem, ainda de acordo com sua assessoria.

Em abril, Maluf foi diagnosticado com metástases múltiplas ósseas decorrentes de um câncer de próstata. Na ocasião, ficou internado mais de 20 dias para tratamento do câncer e de pneumonia.

O político está preso desde 20 de dezembro do ano passado. Chegou a permanecer em regime fechado, mas cumpre prisão domicilar desde abril deste ano após determinação do ministro Dias Toffoli, em virtude de seu frágil estado de saúde.

Leia também: Paulo Maluf é internado no hospital Sírio Libanês

Maluf foi condenado em maio do ano passado a 7 anos de prisão pelo Supremo Tribunal Federal (STF) por lavagem de dinheiro referente ao período de 1993 e 1996, no qual foi prefeito de São Paulo.

Foi afastado do cargo de deputado em fevereiro do ano passado e teve seu mandato cassado em agosto do mesmo ano.

Exame que previne câncer de próstata dura 1 minuto e não dói, diz especialista:

Últimas