Eleições 2018

Brasil Bolsonaro chega a hospital em São Paulo onde continuará internado

Bolsonaro chega a hospital em São Paulo onde continuará internado

Expectativa é que Bolsonaro precise de mais dez dias no hospital para se recuperar dos ferimentos

  • Brasil | Giuliana Saringer, do R7, com RecordTV

Bolsonaro foi transferido de Juiz de Fora para São Paulo

Bolsonaro foi transferido de Juiz de Fora para São Paulo

Reprodução/RecordTV - 07.09.2018

O candidato à Presidência do PSL, Jair Bolsonaro, chegou ao hospital Albert Einstein, na zona oeste de São Paulo (SP), na manhã desta sexta-feira (7), onde continuará internado. 

A assessoria de imprensa do hospital informou, por meio de nota, que o candidato do PSL deu entrada no local às 10h43 e que passará por exames e uma avaliação médica (leia o comunicado na íntegra abaixo)

Depois de ser esfaqueado durante evento da campanha em Juiz de Fora (MG), Bolsonaro foi transferido da Santa Casa da Misericórdiaem que recebeu os primeiros cuidados e foi operado.

Na manhã desta sexta, os familiares de Bolsonaro e a junta médica avaliaram que o candidato do PSL poderia ser transferido, já que o quadro de saúde é estável. 

A expectativa é que Bolsonaro precise de mais dez dias no hospital para se recuperar dos ferimentos. O candidato foi levado de avião até o aeroporto de Congonhas, em São Paulo, e em um helicóptero águia da Polícia Militar de São Paulo até o Palácio dos Bandeirantes, sede do Governo de São Paulo, no bairro do Morumbi. 

De lá, foi transferido para uma unidade móvel que seguiu para o hospital.

Leia a nota na íntegra:

"São Paulo, 07 de setembro de 2018.

Nota para a imprensa

O candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro, deu entrada ao Hospital Israelita Albert Einstein às 10h43 desta sexta-feira, dia 7. Nas próximas horas, ele passará por exames e uma avaliação médica realizada por equipe multidisciplinar.

Miguel Cendoroglo
Diretor-Superintendente do Hospital Israelita Albert Einstein"

Veja imagens da transferência de Bolsonaro para São Paulo:

Agressão contra Bolsonaro

Quadro de saúde de Bolsonaro é considerado estável

Quadro de saúde de Bolsonaro é considerado estável

Reprodução/RecordTV - 07.09.2018

Jair Bolsonaro foi esfaqueado na região do abdômen durante ato de campanha em Juiz de Fora (MG), segundo a Polícia Militar. A campanha foi interrompida após o incidente.

A PM de Minas Gerais informou que o candidato foi esfaqueado quando estava na rua Halfeld, no centro da cidade. O agressor, Adélio Bispo de Oliveira, de 40 anos, foi preso pela Polícia Federal e levado para a sede da PF no município. Bispo foi transferido para um centro de detenção provisória em Juiz de Fora.

Em vídeo gravado na Santa Casa, Bolsonaro diz que "nunca fez mal a ninguém" e agradeceu a todos que o ajudaram neste "momento difícil".

O agressor de Bolsonaro disse à polícia que “quem mandou foi o Deus aqui em cima” para justificar o crime. Assista ao vídeo:

Enquanto estava internado na UTI da Santa Casa, Bolsonaro gravou um vídeo agradecendo o cuidados dos médicos e dizendo que "nunca fez mal a ninguém". Assista à declaração do candidato:

Últimas