Brasil Bolsonaro embarca para o Rio e deve ir a funeral de paraquedista 

Bolsonaro embarca para o Rio e deve ir a funeral de paraquedista 

Soldado Pedro Lucas Ferreira Chaves morreu ontem em treinamento no Campo dos Afonsos após equipamento não abrir corretamente

  • Brasil | Do R7, com informações da Agência Estado

Bolsonaro embarcou para o Rio e deve ir a funeral de paraquedista militar

Bolsonaro embarcou para o Rio e deve ir a funeral de paraquedista militar

Marcos Corrêa/PR - 18.06.2020

O presidente Jair Bolsonaro embarcou na manhã deste domingo (21) na Base Aérea de Brasília com destino ao Rio de Janeiro. De acordo com a assessoria do Palácio do Planalto, o presidente seguiu para uma agenda pessoal na capital fluminense, ligada à Brigada de Infantaria Paraquedista do Exército.

Embora o Planalto não confirme, o presidente deve comparecer ao funeral do soldado Pedro Lucas Ferreira Chaves, que faleceu neste sábado (20) em um treinamento no Campo dos Afonsos, no Rio de Janeiro, após o paraquedas não abrir corretamente.

Bolsonaro foi membro da Brigada de Infantaria Paraquedista em sua carreira no Exército.

Leia mais: Governo arrecada mais de R$ 12 mi com bens do tráfico em leilões

O caso

Pedro Lucas Ferreira Chaves, paraquedista do CML (Comando Militar do Leste) morreu neste sábado (20) ao cair de uma aeronave da Força Aérea em Campo dos Afonsos, zona oeste do Rio de Janeiro.

A vítima ficou presa no avião antes do salto e quando conseguiu se desprender, o paraquedas não abriu. Pedro já estava próximo da superfície e sofreu a queda.

Veja também: Polícia faz buscas em sítio no DF ligado a grupos extremistas

Em nota, o CML informou que o soldado sofreu ferimentos graves com o impacto ao solo. Ele foi transferido para o Hospital Geral do Rio de Janeiro, na Vila Militar, mas não resistiu.

Ainda de acordo com CML, foi instaurado um Inquérito Policial Militar para apurar as circunstâncias em que ocorreu o acidente.

Últimas