Boechat
Brasil Bolsonaro lamenta morte do jornalista Ricardo Boechat

Bolsonaro lamenta morte do jornalista Ricardo Boechat

Âncora de 66 anos foi vítima de um acidente de helicóptero no começo da tarde desta segunda-feira (11), em São Paulo

Boechat

Boechat tinha participado de um evento em Campinas (SP) e retornava à capital

Boechat tinha participado de um evento em Campinas (SP) e retornava à capital

Bruno Santos/Folhapress - 20.2.2018

O presidente Jair Bolsonaro lamentou a morte do jornalista Ricardo Boechat, de 66 anos, em um acidente de helicóptero no começo da tarde desta segunda-feira (11). Internado no hospital Albert Einstein desde o dia 27 de janeiro, Bolsonaro usou o Twitter para prestar solidariedade à família do âncora.

Posteriormente, a Presidência da República divulgou uma nota assinada por Bolsonaro em que diz que "o país perde um dos principais profissionais da imprensa brasileira. Sentiremos a falta de seu destacado trabalho na informação da população, tendo exercido sua atividade por mais de quatro décadas com dedicação e zelo".

O governador de São Paulo, João Doria, também usou as redes sociais para lamentar a morte do jornalista.

Os presidentes da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, e do Senado, Davi Alcolumbre, destacaram a importância de Boechat no jornalismo brasileiro. 

"Lamento a morte do jornalista Ricardo Boechat ocorrida nesta segunda-feira (11), em São Paulo. A imprensa e a sociedade brasileira estão em luto pela perda desse excelente profissional que com dinamismo e versatilidade levava a notícia aos públicos mais diversos, seja para quem o lia na coluna da revista Istoé, seja para quem o ouvia na rádio ou o assistia nos telejornais da Band. Presto minhas sinceras condolências à família, aos amigos e às empresas para as quais trabalhou ao longo de quase meio século de jornalismo", disse em nota o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli.

O presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministro João Otávio de Noronha, manifestou-se durante a tarde. 

"Ao longo de quase 50 anos de carreira, o jornalista Ricardo Boechat construiu uma história marcada pelo profissionalismo, pela imparcialidade e pelo cultivo dos valores mais caros ao jornalismo, como a ética e o combate à corrupção. Jornalista multifacetado e premiado, Boechat consolidou seu nome entre os profissionais de imprensa mais respeitados do país. Com profunda tristeza, manifesto condolências aos familiares, amigos e todos os colaboradores do Grupo Bandeirantes."

O âncora do Jornal da Band e da rádio BandNews FM havia participado de uma convenção empresarial em Campinas (SP) e retornava à capital paulista em um helicóptero Bell JetRanger 206B. A aeronave caiu sobre a parte dianteira de um caminhão na rodovia Anhanguera. O piloto, Ronaldo Quattrucci, também morreu e o motorista do caminhão teve ferimentos leves. 

    Access log