Reforma da Previdência
Brasil Bolsonaro nega propostas para Reforma da Previdência

Bolsonaro nega propostas para Reforma da Previdência

Presidente eleito pelo PSL nega autoria de proposta de 40 anos de contribuição e alíquota maior

Reforma da Previdência

Bolsonaro nega mudança na aposentadoria

Bolsonaro nega mudança na aposentadoria

Adriano Machado/Reuters - 07.11.2018

O presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), negou nesta sexta-feira (9), pelo Twitter que sejam de autoria da equipe econômica dele as propostas de reforma da Previdência que sugerem 40 anos de contribuição para aposentadoria integral e alíquota previdenciária complementar de até 22% para servidores públicos federais.

"As propostas de reforma da Previdência divulgadas pela imprensa sugerindo 40 anos de contribuição para aposentadoria integral e 22% de alíquota de INSS, não são de nossa autoria como tentam atribuir falsamente", escreveu o presidente eleito.

Investimento

No começo da tarde desta sexta, Bolsonaro publicou em seu Twitter que empresas dissreram que investirão no Brasil nos próximos anos. 

"Após as eleições, grandes empresas já anunciaram milhões em investimentos no Brasil nos próximos anos. É só o começo! Comércio com o mundo todo sem viés ideológico + Redução de impostos + Desburocratização = Mais confiança, mais investimentos e mais empregos".

    Access log