Brasil Bolsonaro se encontrará com Trump neste sábado, na Flórida

Bolsonaro se encontrará com Trump neste sábado, na Flórida

Presidente também participará de reuniões com os senadores do Partido Republicano durante sua passagem pelos Estados Unidos

  • Brasil | Thiago Nolasco, da Record TV

Trump e Bolsonaro se reunirão em resort na Flórida

Trump e Bolsonaro se reunirão em resort na Flórida

Kevin Lamarque / Reuters - 30.6.2019

O presidente Jair Bolsonaro se reunirá com Donald Trump neste sábado (7), durante sua viagem aos Estados Unidos.

O encontro acontecerá em Mar-a-Lago, um resort pertencente a Trump em Palm Beach. O local é conhecido como a "Casa Branca de Inverno" do presidente norte-americano e poucos presidentes foram recebidos no local, uma sinalização clara da proximidade entre Brasil e EUA. 

Durante sua estadia nos Estados Unidos, Bolsonaro também participará de reuniões com os senadores do Partido Republicano Marco Rubio e Richard Scott.

Durante a viagem, Bolsonaro será acompanhado por parte de sua equipe ministerial. A agenda presidencial também inclui assinatura de acordos e visita às instalações militares do Comando Sul, que é a unidade das Forças Armadas dos Estados Unidos.

Leia mais: Bolsonaro suspende viagem à Europa por causa do coronavírus

A chegada a Miami está prevista para às 15h30 do mesmo dia, horário local. Na primeira noite em solo norte-americano, o presidente brasileiro participará de eventos privados.

O porta-voz do Palácio do Planalto, Otávio Rêgo Barros, afrimou que a visita de Bolsonaro aos EUA vai reforçar as relações diplomáticas entre os dois países. Ele também destacou a forte relação comercial e cultural entre o Brasil e o estado norte-americano da Flórida.

"Essa visita do presidente Bolsonaro à Flórida servirá para reforçar os vínculos com um dos principais estados americanos, que abriga uma comunidade de cerca de 400 mil brasileiros, e mantém comércio de mais de US$ 20 bilhões com o país", afirmou.

“O Brasil, por sua vez, é o maior importador de produtos da Flórida e o terceiro maior exportador, destacando, ainda, a importância daquele estado como destino turístico para brasileiros, sendo atualmente o terceiro país que mais envia viajantes àquele estado americano", completou Rêgo Barros.

Últimas